Vitor Silva/SS Press
Vitor Silva/SS Press

Herói, Ronaldo diz que 'sonhava com gol do acesso' do Botafogo

Loco Abreu irá ao Engenhão no próximo jogo do ex-clube

Estadão Conteúdo

11 de novembro de 2015 | 10h14

Autor do gol do Botafogo na vitória por 1 a 0 sobre o Luverdense, na noite de terça-feira, em Lucas do Rio Verde (MT), onde o time carioca assegurou sua volta à elite do futebol nacional, o atacante Ronaldo festejou o fato de ter "entrado para a história" do clube e afirmou que tinha sonhado com a chance de ser decisivo pela equipe alvinegra da Série B do Campeonato Brasileiro.

"Eu disse que sonhava com o gol do acesso. Estava trabalhando e esperando essa oportunidade. Graças a Deus ela surgiu. Entro para a história do Botafogo com o gol do acesso. É uma felicidade enorme. Trabalhei muito forte, dei o meu melhor, e as coisas aconteceram", ressaltou o jogador.

E Ronaldo comemorou o fato de ter sido decisivo logo após acertar a trave por duas vezes na derrota por 1 a 0 para o Criciúma, no último sábado, em Santa Catarina, onde o time carioca falhou na sua primeira tentativa de assegurar o acesso. "Fiquei até hoje (terça) pensando porque a bola não entrou naquele jogo. Mas as coisas aconteceram da forma certa e queria agradecer a minha família. No outro jogo foram duas bolas na trave, de hoje não passou", afirmou Ronaldo, em entrevista ao SporTV, ainda no gramado do estádio Passo das Emas.

Autor do passe que resultou no gol de Ronaldo, o meia Daniel Carvalho também exaltou a importância que o acesso teve para este grupo de jogadores, depois de o clube promover uma grande reformulação no seu elenco, que só preservou como grande referência o goleiro Jefferson, da seleção brasileira.

"A gente tem que comemorar, até porque no ano passado apenas o Jefferson estava aqui, se não me engano. Então, não temos culpa pelo rebaixamento, muito pelo contrário, e agora a gente faz esse histórico de fazer o Botafogo subir", enalteceu, também ao SporTV.

LOCO ABREU

Ídolo da torcida botafoguense, o atacante uruguaio Loco Abreu, que defendeu o time carioca entre 2010 e 2012, comemorou na última terça-feira o acesso da equipe à elite nacional. Para completar, prometeu estar presente no Engenhão neste sábado, quando o time enfrentará o Santa Cruz com chances de assegurar o título da Série B.

"Parabéns, meu Fogão. Felicidades! Sábado vou no Estádio Nilton Santos com você a desfrutar da volta à Série A", escreveu o hoje jogador do Nacional, do Uruguai, por meio de sua página no Twitter. O atacante de 39 anos foi campeão carioca com a camisa botafoguense em 2010.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BBotafogo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.