Héverton é a única dúvida no Guarani

O meia Héverton é a única dúvida do técnico Luiz Carlos Ferreira para definir o time do Guarani para a partida contra a Anapolina, em Anápolis, na sexta-feira, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B. O jogador se contundiu na vitória sobre o Ituano, na última sexta-feira, e poderá ser substituído por Marcelo. O volante Marcos Paulo, com dores no púbis, continua de fora e o atacante Vágner Carioca, com dores musculares, ainda não fará sua estréia. "Estes jogadores já estavam fora dos planos, mas o Héverton é peça importante em nosso esquema", diz o técnico. Para Ferreira, um resultado positivo fora de casa pode ser o empurrão que falta para o Guarani deslanchar de vez na Série B, depois de acumular sete pontos nos últimos três jogos. "Felizmente as coisas agora estão se acertando e conseguimos sair da zona de rebaixamento. Ainda há muito a ser feito, mas já conseguimos uma boa recuperação. Um bom resultado em Goiás pode ser fundamental para consolidar essa nossa boa fase", afirmou o treinador. No momento, o time soma 12 pontos e ocupa a 16ª posição. O bom ambiente no time campineiro, porém, foi balançado com o sumiço do lateral-esquerdo Adalto, que estava relacionado para o jogo contra o Ituano, mas não apareceu porque estava tratando de sua transferência para o futebol português. A dispensa do lateral, no entanto, não foi autorizada pela diretoria. O jogador pode, inclusive, ser multado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.