Divulgação
Divulgação

Hoje no Chelsea, Eto'o diz que recusou Arsenal em 2000

Revelado pelo Real Madrid, o atacante tem passagens por Mallocar, Barcelona e Inter de Milão

AE, Agência Estado

14 de setembro de 2013 | 09h40

LONDRES - Novo reforço do Chelsea para a temporada 2013/2014, o atacante Samuel Eto'o quase vestiu a camisa do principal rival do clube em sua carreira. O jogador camaronês revelou que esteve perto de fechar com o Arsenal em 2000, mas recusou a oferta do time inglês depois de conversar com seu técnico no Mallorca, Luis Aragonés, que treinaria a seleção espanhola anos mais tarde.

"Eu encontrei com o Luis em um momento crucial da minha vida, no qual tinha que tomar a decisão certa, e graças a ele eu tomei", declarou Eto''o. "Eu estava para assinar com o Arsenal à tarde e talvez nunca tivesse me tornado o jogador que sou hoje. Luis me chamou, então acabei indo para o Barcelona. Essa decisão mudou tudo", completou.

Eto'o ficou no Mallorca entre 1999 e 2004, quando foi para o Barcelona e se destacou, chegando a ser escolhido o terceiro melhor jogador do mundo pela Fifa em 2005. Em 2009, foi negociado com a Inter de Milão e em 2011 chegou ao Anzhi. Os maus resultados da equipe russa, no entanto, fizeram o presidente Suleyman Kerimov decidir negociá-lo e o jogador acabou no Chelsea.

Tudo o que sabemos sobre:
FutinterfutebolChelseaEtooArsenal

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.