Holanda e Alemanha empatam sem gols em Amsterdã

Seleções se enfrentam em amistoso de grande rivalidade em Amsterdã, às 17h30 desta quarta-feira

O Estado de S. Paulo,

14 de novembro de 2012 | 16h29

AMSTERDÃ - Num confronto que também aconteceu na Euro-2012, a Holanda recebeu a Alemanha na Amsterdam Arena e tentou vingar a derrota sofrida em Kharkiv, na Ucrânia. Entretanto, o elevado número de desfalques das seleções prejudicou a partida, que acabou sendo morna e terminou em 0 a 0.

Os alemães buscaram mais o ataque no primeiro tempo e tiveram as melhores chances. Numa delas, aos 20 minutos, Höwedes recebeu de Müller e cruzou para Götze, que tentou duas vezes. A primeira parou na marcação e a segunda foi bem defendida pelo Vermeer. Cinco minutos depois, Holtby partiu livre no contra-ataque e também parou no goleiro.

A seleção visitante ainda esteve perto de abrir o placar antes do intervalo em nova oportunidade, aos 44 minutos. Gundögan finalizou e a bola passou por Vermeer, mas Heitinga salvou quase em cima da linha.

O segundo tempo não foi muito diferente do primeiro, ou seja, amarrado, o que dificultava a criação de jogadas. Os técnicos, principalmente Louis van Gaal, da Holanda, mexeram nas equipes, mas não conseguiram encontrar uma maneira de tirar o zero do placar.

Também nesta quarta, no estádio de Amitié, na cidade de Libreville, no Gabão, a seleção anfitriã surpreendeu Portugal e obteve um empate em 2 a 2.

Os portugueses não puderam com Cristiano Ronaldo, que levou uma cotovelada no fim de semana, na vitória do Real Madrid sobre o Levante, pelo Campeonato Espanhol.

Aos 32 minutos da etapa inicial, Lengoualama sofreu falta de Silvio na área. Madinda cobrou o pênalti e fez 1 a 0 para o Gabão.

A resposta dos visitantes não demorou a acontecer. Aos 35, Ndong puxou a camisa de Éder dentro da área, e o árbitro marcou a penalidade. Pizzi foi o encarregado de bater e empatou.

O jogo ficou pegado nos primeiros minutos do segundo tempo, e o árbitro se viu obrigado a mostrar alguns cartões. Quando conseguiu colocar a bola no chão, Portugal virou o placar. Aos 14 minutos, Nelson levantou e Hugo Aleida se enrolou, mas conseguiu mandar a bola para a rede.

A seleção portuguesa relaxou após desempatar, permitindo que o Gabão crescesse e empatasse. Aos 24, Ricardo Costa tocou a bola com a mão dentro da área, concedendo mais um pênalti para a seleção anfitriã. Agora quem bateu e converteu foi Poko, dando números finais ao confronto.

LANCES

SEGUNDO TEMPO

 

48 min - Em jogo sem nenhuma emoção e grande dificuldades para os times, por causa dos seus muitos desfalques, Holanda e Alemanha ficam no 0 a 0.

 

46 min - Joachim Loew faz outra modificação, sai Reus e entra Draxler.

 

41 min - A Alemanha muda de novo: saem Muller e Holtby, entram Schuerrle e Neustadter. 

 

36 min - Joachim Loew faz substituição curiosa: tira Lars Bender para a entrada do irmão gêmeo do jogador, Sven Bender.

 

33 min - A Alemanha parece totalmente desinteressada na partida. Limita-se a se defender e garantir o empate sem gols.

 

31 min - UHHH! Primeira chance clara de gol da Holanda no segundo tempo! Janmaart troca passes com Kuyt e finaliza, para difícil defesa de Neuer.

 

28 min - Já a Alemanha mexe pela primeira vez. O técnico Joachim Loew tira Gotze para a entrada do veterano Podolski.

 

27 min - O técnico Louis Van Gaal faz outra mudança na seleção holandesa, a quinta: sai Van der Vaart e entra Emmanuelson.

 

23 min - A torcida holandesa começa a perder a paciência com o time.

 

20 min - A Alemanha perdeu a presença mais dominante na partida e não consegue fazer uma jogada de ataque sequer.

 

17 min - Em cobrança de falta, Howedes cabeceia, sem perigo para Vermeer.

 

13 min - A Holanda muda mais uma vez: sai Affelay, responsável pelos melhores (e poucos) momentos da equipe no ataque, e entra Van Ginkel.

 

10 min - Affelay fica de frente para a área de Neuer, mas finaliza com chute fraco de longa distância.

 

8 min - Com as modificações, a Holanda tem sido mais presente no ataque do que no primeiro tempo.

 

5 min - Elia desce pela esquerda e consegue o primeiro escanteio da Holanda na partida. 

 

1 min - A partida começa com três alterações no time da Holanda. Saem Van Rhijn, Robben e Heitinga. Entraram Janmaat, Elia e De Vrij.

 

PRIMEIRO TEMPO

 

45 min - Fim do primeiro tempo, sem grandes emoções em Amsterdã.

 

38 min - QUASE! Heitinga tira errado de cabeça e deixa a bola cair nos pés de Reus, que emenda de primeira no canto direito de Vermeer. A bola passa muito perto da trave e assusta a torcida holandesa.

 

35 min - Os times se concentram nas trocas de passes no meio-campo, sem mostrar efetividade no ataque. Os desfalques fazem falta e a partida é decepcionante em Amsterdã.

 

30 min - UHHH! Affelay faz boa jogada pela direita, confunde a zaga alemã e lança Robben pelo meio, mas o jogador se atrapalha na hora da conclusão. É a primeira vez que a Holanda assusta a Alemanha.

 

28 min - A Holanda insiste em jogar pelo lado esquerdo e sobrecarrega Robben. O meia, bem marcado, não consegue dar sequência às jogadas - por isso, o time da casa não teve nenhuma chance de gol até agora.

 

24 min - Hummels bate falta, mas Vermeer faz defesa tranquila. Os alemães vão se soltando na partida.

 

21 min - Chega a Alemanha! Howedes dispara pela direita e encontra Gotze dentro da área. O ataque alemão se enrolou na finalização e Vermeer salva a Holanda.

 

18 min - A Holanda tenta explorar o lado esquerdo, com Robben e Kuyt, para conseguir furar a forte marcação alemã.

 

16 min - A torcida holandesa tenta incentivar a equipe e vibra com arrancada de Robben pela esquerda, que é parada com falta de Mertesacker.

 

13 min - As duas seleções claramente sentem dificuldade em se apresentar, por causa dos muitos desfalques. O jogo é truncado, com muitos erros de passe e sem grande emoção.

 

7 min - A Alemanha tem mais posse de bola neste início de partida, mas vem encontrando dificuldades de avançar para a defesa rival. Já a Holanda mal consegue passar do meio-campo, graças à marcação avançada dos alemães.

 

3 min - Reus é lançado e, sozinho, enfrenta o goleiro Vermeer. O alemão sai bem do gol e acaba com a primeira chance clara de abrir o marcador na partida.

 

1min - Com Affelay, Holanda chega pela primeira vez à área rival. Consegue o escanteio, mas a cobrança não oferece perigo a Neuer.

 

0 min - Antes do amistoso que será disputado na Amsterdã Arena, os ex-jogadores Van Nistelrooy, Kluivert, Reiziger e Davids foram homenageados pela Federação de Futebol da Holanda.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.