Hondurenho Suazo marca dois e garante vitória da Inter

Líder do Italiano bate o Livorno por 2 a 0 e amplia vantagem sobre a Roma; Dida se machuca em jogo do Milan

Agências Internacionais,

16 de fevereiro de 2008 | 17h06

O atacante hondurenho David Suazo marcou duas vezes e se tornou o grande herói da vitória de 2 a 0 da Inter de Milão sobre o Livorno pela 23ª rodada do Campeonato Italiano. Com este resultado, o time deixou a vice-líder Roma em situação complicada. O time da capital italiana perdeu para a Juventus por 1 a 0 e permaneceu com 48 pontos (11 atrás da Inter) e viu a equipe de Turim colar na classificação, em terceiro, com 47.   Veja também:  Classificação e resultados   Apesar de entrar em campo com vários reservas, a Inter dominou completamente as ações e garantiu o triunfo com dois gols de Suazo obtidos ainda no primeiro tempo.   O primeiro gol do atacante hondurenho saiu aos 14 minutos. Quatro minutos depois ele voltou a marcar para fechar o marcador.   Outra notícia positiva para a Inter de Milão foi o retorno do meia português Figo, que voltou a disputar uma partida oficial após se recuperar de uma lesão.   MILANO Milan não passou do 0 a 0 com o Parma e ficou ainda mais distante da líder Inter de Milão. Sem poder contar com os atacantes brasileiros Alexandre Pato e Ronaldo, ambos machucados, o time milanês concentrou suas esperanças no meia Kaká, que retornava após se recuperar de problemas físicos.   De positivo nesta partida, o Milan teve apenas o recorde do lateral Maldini, que disputou sua partida de número mil pela equipe italiana. No entanto, a partida foi marcada pela contusão do goleiro Dida, que nem chegou a entrar em campo, sentindo dores nas costas no intervalo do jogo. O jogador teve de ser retirado de maca e o time ficou sem goleiro reserva na segunda etapa.   Atualizada às 19h33

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.