Daniel Teixeira/ Estadão
Daniel Teixeira/ Estadão

Hotel da seleção brasileira em Temuco tem até cassino

A pedido da comissão técnica, discoteca ficará fechada

GONÇALO JUNIOR, Estadão Conteúdo

12 de junho de 2015 | 16h29

Os jogadores da seleção brasileira poderão visitar a principal atração turística da cidade de Temuco, no Chile: os cassinos. O Hotel Dreams, escolhido como local da concentração para a partida de estreia na Copa América, domingo, contra o Peru, tem o cassino mais importante da cidade.

Cerca de 70 mil turistas visitam mensalmente o local, que vai funcionar normalmente durante a estada da seleção, para o público em geral e também para os jogadores. Segundo a gerência do hotel, no entanto, a utilização vai depender da comissão técnica.

"Somos eminentemente um cassino, que vai funcionar normalmente, mas a utilização por parte dos jogadores depende do corpo diretivo da seleção", explica Martin Dávila, gerente geral do hotel e cassino Dreams.

A proibição dos jogos de azar em território brasileiro foi estabelecida pelo decreto-lei 9215, de 30 de abril de 1946, assinado pelo presidente Eurico Gaspar Dutra. O principal argumento é "o jogo é degradante para o ser humano", diz o texto da lei. No Chile, os cassinos são permitidos normalmente e representam uma importante fontes de recursos turísticos.

A única recomendação feita pela comissão técnica do Brasil - e atendida pelo hotel - foi o fechamento de uma discoteca, outra atração do lugar, na sexta-feira e no sábado. O local não estará disponível para o público ou para os jogadores.

A visita exclusiva feita pela reportagem ao local da concentração brasileira em Temuco revelou os espaços luxuosos de um hotel cinco estrelas, com piscina, banheiras de hidromassagem, restaurante com cozinha internacional - acompanham a delegação brasileira duas nutricionistas -, além de uma bela vista para o estádio German Becker, onde o Brasil fará sua estreia. Serão destinados dois pisos para a seleção e comissão técnica - 38 apartamentos e 5 suítes.

O cassino, no entanto, é o maior atrativo. Decorado com bandeiras de todos os países - a brasileira ocupa espaço de destaque - o espaço oferece todas as opções de jogos, com preocupação cuidadosa com a privacidade dos hóspedes. É um dos mais importantes dos 19 cassinos que existem hoje no território chileno.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.