Hudson de Souza acerta com novo clube

O meio fundista Hudson de Souza, que já voltou ao Brasil após um período de treinamento com o técnico Luiz Alberto de Oliveira nos Estados Unidos, virá a São Paulo, na próxima semana, para acertar os detalhes de sua transferência para a BM&F Atletismo. Hudson, que luta para obter o índice olímpico nos 1.500 metros, pode ser o 12º fundista da equipe mantida pela parceria BM&F e Pão de Açúcar, que já tem o maratonista Vanderlei Cordeiro de Lima, bicampeão pan-americano, e Marílson Gomes dos Santos, campeão da última São Silvestre. Hudson foi dispensado pela Brasil Telecon, de Presidente Prudente, após a denúncia de sua noiva, Marly Sales de Carvalho, contra o velocista da mesma equipe, Vicente Lenílson, por atentado violento ao pudor. Lenílson continua na equipe. O técnico Luiz Alberto afirma que não entendeu o motivo da dispensa de Hudson. ?Ele foi punido por ser noivo da Marly? Ou a Brasil Telecon ficou insatisfeita com os ouros que ele ganhou no Pan?? Observa que a BM&/Pão de Açúcar já tinha conversado com Hudson em 2003. ?Devido ao incidente, o Hudson resolveu aceitar a proposta. Não entendi meu desligamento, pois não tenho culpa do que houve por lá. Não vou ser técnico dos meus atletas. Isso já faço há muitos anos.?

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.