Rubens Chiri / saopaulofc.net
Rubens Chiri / saopaulofc.net

Hudson vê São Paulo confiante para se recuperar e crescer no Paulistão

Volante adverte, porém, que partida com Ituano terá elevada dificuldade

Matheus Lara, Estadão Conteúdo

21 de fevereiro de 2018 | 11h38

O volante Hudson, que terá nesta quarta-feira sua segunda oportunidade de começar jogando pelo São Paulo na temporada, no lugar de Petros, suspenso, projeta um duelo difícil para o time contra o Ituano, fora de casa. O jogo é válido pela sétima rodada do Campeonato Paulista, adiado por causa do compromisso da equipe contra o CSA, pela Copa do Brasil, na semana passada.

+ Justiça atende Flu e bloqueia parte do valor da venda de Diego Souza ao São Paulo

+ Dorival vê 'covardia' em calendário do futebol e quer CBF mais próxima dos clubes

Para Hudson, o time espera deixar o tropeço diante do Santos, por 1 a 0, no domingo, para trás, e voltar a vencer. Antes do clássico, o São Paulo acumulava quatro vitórias seguidas. "Será um jogo difícil, fora de casa e diante de um adversário de qualidade. Eles têm o fator campo, mas temos que retomar o caminho de vitórias. Vamos deixar o tropeço no clássico para trás o mais rápido possível", disse, ao site do clube.

Hudson diz que o time está evoluindo e mostra confiança. "Nossa equipe tem evoluído ao longo do campeonato, e isso é importante para dar confiança. Fizemos um bom jogo no clássico contra o Santos e merecíamos uma sorte melhor."

O atleta afirma que o São Paulo precisa ter atenção com os jogos da primeira fase do Paulistão. "Corrigimos alguns detalhes e acertaremos o time até o final da primeira fase para conquistar a classificação e, consequentemente, chegar bem para o mata-mata. O Paulista é muito disputado e precisamos ter atenção em todos os jogos."

Mais uma vez no lugar de Petros, assim como na vitória por 2 a 0 sobre os alagoanos pelo torneio nacional, Hudson sente que está em evolução física e técnica. "O Dorival procurou acertar alguns detalhes para encaixar a marcação e ensaiamos isso no treino desta tarde. Terei a oportunidade de jogar no lugar do Petros, e espero dar continuidade ao meu trabalho para melhorar o rendimento. Estou melhor fisicamente e sinto uma evolução técnica."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.