Tiago Queiroz/AE
Tiago Queiroz/AE

Hugo acredita que jejum de gols tem o atrapalhado

Em má fase, jogador do São Paulo não marca desde o dia 21 de janeiro, pelo Campeonato Paulista

AE, Agencia Estado

19 de maio de 2009 | 18h13

O ano de 2009 não vem sendo dos melhores para Hugo. Depois de terminar o Campeonato Brasileiro do ano passado na condição de peça fundamental no esquema do técnico Muricy Ramalho, o meia vem amargando a reserva e não consegue se firmar na equipe titular. Além disso, o jogador também parou de fazer gols. A última vez que marcou foi no dia 21 de janeiro, na estreia do São Paulo pelo Paulistão.

Veja também:

link Goleiro Denis espera fazer a melhor partida da sua carreira

link Muricy Ramalho proíbe entrevistas do goleiro Denis

especial Visite o canal especial do Brasileirão

especial Jogue o Desafio dos Craques

tabela Brasileirão Série A - Classificação e Calendário

especialVisite o canal especial da Libertadores

lista Libertadores - Calendário/Resultados

especial Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Para Hugo, o jejum é um dos principais motivos para seguir na reserva. "Ano passado tive como diferencial a capacidade de marcar muitos gols. Esse ano só entrou um e isso acaba atrapalhando um pouco", disse nesta terça-feira o meia, que em 2008 foi às redes por 14 vezes no Brasileirão, terminando como o segundo maior artilheiro do time na competição. "Mas tenho essa facilidade e com os gols saindo minhas chances aumentam", afirmou.

Mantendo o otimismo, Hugo enxerga semelhanças desta temporada com a anterior, e ainda espera apresentar o seu melhor futebol. "Esse ano está sendo parecido com o ano passado. Estava na reserva na Libertadores e ganhando chances durante o Brasileiro, com um time mesclado. Desta forma consegui me firmar e seguir como titular nas duas competições. Espero que isso se repita", disse o meia.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão PauloHugo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.