Phil Noble/Reuters
Phil Noble/Reuters

Ibra e Pogba saem do banco e garantem United nas quartas da Copa da Inglaterra

Francês dá assistência e sueco marca o gol da virada sobre o Blackburn fora de casa

Estadão Conteudo

19 Fevereiro 2017 | 15h50

O Manchester United venceu o Blackburn por 2 a 1, neste domingo, fora de casa, e garantiu a vaga nas quartas de final da Copa da Inglaterra. O avanço na competição diante da equipe da segunda divisão do Campeonato Inglês, no entanto, só foi assegurado com a entrada dos astros Zlatan Ibrahimovic e Paul Pogba no segundo tempo. Após passarem 62 minutos no banco de reservas, o francês deu a assistência para o sueco fazer o gol da vitória.

Na partida, o técnico português José Mourinho resolveu escalar um time misto do Manchester United com Ibrahimovic, Schweinsteiger, Bailly, Shaw, Mata e Pogba no banco de reservas. Com a bola rolando, o Blackburn foi para cima e apostou nas jogadas criadas pelo holandês Marvin Emnes.

A primeira chance efetiva criada foi convertida em gol pelo Blackburn aos 17 minutos do primeiro tempo. Emnes driblou o lateral-esquerdo argentino Rojo na entrada da área de maneira desconcertante e tocou para Danny Graham bater cruzado para as redes.

Após o susto, o Manchester United reagiu e conseguiu buscar o empate aos 26 minutos. O meia armênio Mkhitaryan arrancou do campo de defesa e lançou com perfeição para Marcus Rashford driblar o goleiro e fazer 1 a 1.

Já na segunda etapa, José Mourinho ainda esperou alguma reação do time, mas aos 17 minutos resolveu mexer e colocar de uma só vez Ibrahimovic e Pogba. A mudança deu certo e, aos 30, o francês deu belo lançamento para o artilheiro, que contou com erro da zaga e bateu colocado para assegurar a virada.

Aos 40 minutos, o goleiro argentino Romero bateu roupa em um chute de Mahoney, se recuperou a tempo de fazer uma boa defesa no segundo lance e acabou levando o gol na terceira tentativa. No entanto, a arbitragem viu impedimento no último chute e anulou o tento. Nos minutos finais, o Manchester United tocou a bola no campo de ataque e assegurou a vaga nas quartas de final.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.