Alberto Lingria/Reuters
Alberto Lingria/Reuters

Icardi faz 2 gols, Inter bate Cagliari e assume liderança provisória do Italiano

Equipe de Milão dorme na liderança após vitória por 3 a 1 fora de casa

Estadão Conteúdo

25 Novembro 2017 | 21h34

Com dois gols marcados pelo atacante argentino Mauro Icardi, a Inter de Milão venceu o Cagliari por 3 a 1, fora de casa, no final da noite deste sábado, e assumiu a liderança provisória do Campeonato Italiano. O time chegou aos 36 pontos e ultrapassou o Napoli, que tem 35 e poderá retomar o topo no complemento desta 14ª rodada, neste domingo, quando encara a Udinese, também atuando como visitante.

+ Willian entra no fim, faz golaço e dá empate ao Chelsea no clássico com Liverpool

+ Casemiro marca, Cristiano Ronaldo desencanta em casa e Real bate Málaga por 3 a 2

No confronto, Icardi abriu o placar para a Inter aos 29 minutos do primeiro tempo, antes de Marcelo Brozovic ampliar aos 10 da etapa final. Leonardo Pavoletti descontou aos 26 para os anfitriões, mas Icardi voltou a balançar as redes aos 38 para selar o triunfo do seu time.

A atuação decisiva fez Icardi se igualar a Ciro Immobile, da Lazio, no topo da artilharia do Italiano, com 15 gols cada um. O time da capital nacional, por sua vez, entrará em campo neste domingo para enfrentar a Fiorentina, em Roma.

Com a derrota para a Inter, o Cagliari estacionou nos 15 pontos e ocupa a 13ª colocação da competição, que contou com a disputa de outras três partidas neste sábado. Em uma delas, o Bologna soube aproveitar bem o fator campo ao bater a Sampdoria por 3 a 0 e assumir a sétima posição, com 20 pontos.

Mesmo assim, o Bologna segue distante da zona de classificação para as competições europeias, que hoje é fechada justamente pela Sampdoria, sexta colocada, com 26 pontos.

Em outro duelo do dia, o Chievo derrotou o SPAL por 2 a 1, em casa, com dois gols em Roberto Inglese, e chegou aos mesmos 20 pontos do Bologna, mas está em desvantagem nos critérios de desempate e com isso figura em sétimo lugar. O SPAL é o 17º, com 10 pontos, logo acima da zona de rebaixamento nesta sua temporada de estreia na elite nacional.

Já o Hellas Verona ganhou um pouco de esperança em sua luta para deixar a área de risco da tabela ao bater o Sassuolo por 2 a 0, fora de casa, e chegar aos nove pontos na 19ª e penúltima posição. O rival derrotado é o 16º colocado, com 11.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.