Divulgação
Divulgação

Ídolo cruzeirense, Fábio recebe título de cidadão honorário de Minas

Goleiro foi homenageado na Assembleia Legislativa de Belo Horizonte

O Estado de S. Paulo

29 de março de 2016 | 11h23

Decisivo para a vitória do Cruzeiro por 1 a 0 sobre o rival Atlético Mineiro no último domingo, quando o time praticamente assegurou a liderança da primeira fase do Campeonato Mineiro, o goleiro Fábio tem mais um motivo para se orgulhar. Afinal, ele recebeu o título de cidadão honorário de Minas Gerais em cerimônia realizada na Assembleia Legislativa, em Belo Horizonte.

A homenagem atendeu ao requerimento apresentado pelo deputado estadual Sargento Rodrigues (PDT) e contou com a presença de torcedores, políticos, jogadores, como o zagueiro Leo, e também dirigentes do Cruzeiro, incluindo o presidente Gilvan de Pinho Tavares. "O Fábio é o maior ídolo do Cruzeiro há muitos anos. Gostaria de cumprimentá-lo pelo título que está recebendo", afirmou o dirigente.

Natural de Nobres (MT), Fábio, de 35 anos, é o atleta que mais vezes atuou pelo Cruzeiro, com a marca de 678 jogos. Além disso, conquistou pelo clube dois títulos do Campeonato Brasileiro (2013 e 2014), um da Copa do Brasil (2000) e cinco do Campeonato Mineiro (2006, 2008, 2009, 2011 e 2014).

"Já em sentia mineiro de coração e agora pude ser agraciado com esse título de cidadão mineiro, mais uma honraria para a minha vida", disse, durante seu discurso, Fábio, que teve duas passagens pelo Cruzeiro, sendo a última delas iniciada em 2005.

Após folgar na segunda-feira, o elenco do Cruzeiro volta a treinar nesta terça, às 15h30, na Toca da Raposa II, quando iniciará a preparação para o duelo com o Guarani de Divinópolis, domingo, no Mineirão, pela penúltima rodada da primeira fase do Campeonato Mineiro.

Tudo o que sabemos sobre:
CruzeiroFábio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.