Dicá/Acervo Pessoal/Reprodução
Dicá/Acervo Pessoal/Reprodução

Ídolo da Ponte, Dicá se afasta antes da final: 'O atual momento não é meu'

Ex-jogador prefere não falar sobre final de 1977, quando esteve em campo, para não ofuscar o presente da Macaca

Estadão Conteudo

27 de abril de 2017 | 18h30

A final do Campeonato Paulista entre Ponte Preta e Corinthians traz muitas memórias aos torcedores de ambos os clubes. Um dos maiores ídolos da história da Ponte, o ex-meia Dicá vem sendo muito procurado para comentar sobre a famosa decisão de 1977, jogo que foi decidido a favor do time da capital paulista graças a um gol chorado marcado por Basílio. O ex-jogador, no entanto, optou por evitar os holofotes e até soltou uma nota oficial para explicar tal decisão.

"Nesse momento tão importante da história da Ponte, tenho recebido várias solicitações de entrevistas. Entendo perfeitamente o papel da imprensa de querer reviver a história, mas reafirmo que não irei me pronunciar sobre a final de 1977... Pois acho que o atual momento não é meu", disse Dicá.

Dono de marcas históricas com a camisa da Ponte Preta - são 581 jogos e 156 gols -, Dicá participou de quatro vice-campeonatos com a camisa alvinegra, sendo o de 1977 o mais marcante.

Ele era jovem em 1970, no campeonato de pontos corridos que a Ponte terminou vice-campeã atrás do São Paulo. Depois, esteve presente nas derrotas em 1977, 1979, ambas para o Corinthians, e também em 1981, diante do São Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.