Nova Arena/Divulgação
Nova Arena/Divulgação

Inauguração da nova arena do Palmeiras pode ficar para 2014

Arquibancadas que não puderam ser demolidas precisarão de outra ação de reforma

DANIEL BATISTA, Agência Estado

19 de março de 2013 | 16h36

SÃO PAULO - A construção da Nova Arena do Palmeiras corre o risco de atrasar alguns meses e pode até ficar para ser inaugurada no ano que vem. Tudo por causa da obra que precisa ser feita no setor das arquibancadas que não puderam ser demolidas, por conta do alvará dado pela Prefeitura de São Paulo ser apenas para reformas e não para construção.

Por enquanto, a promessa é que as obras fiquem prontas ainda no segundo semestre deste ano, provavelmente em novembro. Entretanto, a construtora WTorre contava que conseguiria receber um novo alvará que permitiria demolir o setor da arquibancada antiga que ainda está de pé, mas não teve êxito. No restante do estádio foram colocadas arquibancadas pré-moldadas, que precisavam apenas serem encaixadas no local.

O diretor de novos negócios da WTorre, Rogério Dezembro, garante que ainda é cedo para falar em atraso, mas não descarta a possibilidade de que isso aconteça. "Temos pouco mais de 60% das obras finalizadas e estamos trabalhando duro para conseguir cumprir todos os prazos", disse.

Mas no setor onde existe a arquibancada antiga não é possível adotar o mesmo trabalho e a ação tem de ser mais demorada. A previsão inicial da finalização das obras era em abril desde ano. Depois foi adiada para o segundo semestre. E agora pode ficar para 2014.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPalmeiras

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.