Inglaterra teme volta de Suárez ao Uruguai

A Inglaterra espera enfrentar um perigo adicional com a volta de Luis Suárez à escalação do Uruguai na partida desta quinta-feira do Grupo D, mesmo que o técnico Óscar Tabárez ainda não tenha confirmado o maior artilheiro do time para a disputa em São Paulo.

REX GOWAR, REUTERS

19 de junho de 2014 | 11h53

Suárez, que operou o joelho um mês atrás, não atuou na chocante derrota uruguaia para a Costa Rica por 3 x 1 no sábado, o que deixou seu time e a Inglaterra, derrotada por 2 x 1 pela Itália, diante de um confronto do tipo ‘tudo ou nada’ para manter vivas suas esperanças de classificação.

O técnico inglês, Roy Hodgson, não deu pistas se irá escalar o atacante Wayne Rooney, e o capitão Steven Gerrard disse acreditar que a melhor defesa decidirá o resultado.

O Uruguai sentirá a falta de dois zagueiros experientes, o contundido capitão Diego Lugano e o zagueiro direito, Maxi Pereira, que foi suspenso, e o atacante inglês Alex Oxlade-Chamberlain não recuperou o joelho a tempo.

Tudo o que sabemos sobre:
COPAMEDOSUARESINGLA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.