Ingleses terão rivais de peso nas oitavas da Liga dos Campeões

A chances da Inglaterra classificar três representantes para as semifinais da Liga dos Campeões pela terceira temporada consecutiva foram reduzidas nesta sexta-feira, após o sorteio das oitavas-de-final da principal competição de clubes da Europa. O Manchester United, atual campeão europeu, enfrentará os campeões e líderes do Campeonato Italiano, Inter de Milão, enquanto o Liverpool terá pela frente o Real Madrid, após o sorteio realizado na sede da Uefa, em Nyon, na Suíça. O Chelsea, derrotado pelo Manchester na final da última temporada, vai enfrentar a Juventus, treinada pelo ex-técnico do time inglês Claudio Ranieri, enquanto o Arsenal, finalista em 2006, terá como adversária a Roma, em um terceiro confronto anglo-italiano. O Barcelona, único time não inglês a chegar nas semifinais da última temporada, jogará contra o Olympique de Lyon, e o Villarreal, que chegou às semifinais em sua primeira aparição no torneio, em 2006, pega o Panathinaikos, da Grécia. As outras partidas das oitavas-de-final serão entre Atlético de Madri x Porto e Sporting x Bayern de Munique. Os jogos de ida serão em 24 e 25 de fevereiro, e os de volta em 10 e 11 de março. A final da Liga dos Campeões será no dia 27 de maio, em Roma. Liverpool, cinco vezes campeão europeu, e Real, nove vezes campeão, se enfrentaram apenas uma vez na história do torneio, quando o time inglês venceu por 1 x 0, na final de 1981, em Paris. "Esta é uma partida de dar água na boca e já estamos sentido este gostinho", disse o secretário do Liverpool Bryce Morrison ao Sky Sport News. "Nós não jogamos contra eles desde Paris. Então nós estamos esperando muito por isso". O jogo da Inter contra o Manchester marcará um novo encontro do técnico português José Mourinho com a equipe de Old Trafford. Mourinho, então à frente do Porto, eliminou o time inglês em 2004, também nas oitavas-de-final. Outro retorno será o do italiano Ranieri ao Stamford Bridge, no jogo do Chelsea contra a Juventus. "Para ele (Ranieri) significa algo diferente do que para os outros", disse o diretor de esportes da Juventus, Alessio Secco, acrescentando que está confiante na campanha. "Quando nós empatamos com o Real Madrid em agosto, nós achávamos impossível, mas alcançamos a liderança do grupo".

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.