Josep Lago/AFP
Josep Lago/AFP

Inocentado de acusação de escalação irregular, Barça pega Sevilla na Copa do Rei

Levante tinha acusado o Barcelona de escalar o zagueiro Juan Brandariz de ter atuado de forma ilegal

Redação, O Estado de S.Paulo

18 de janeiro de 2019 | 15h35

O Barcelona foi inocentado nesta sexta-feira da acusação de escalação irregular de um jogador na Copa do Rei. O clube escapou de punição e, após sorteio realizado durante a tarde, teve o Sevilla definido como seu adversário nas quartas de final da competição.

Na última quinta, o Barça derrotou o Levante por 3 a 0 no Camp Nou e garantiu a classificação às quartas, após perder por 2 a 1 na ida. Mas nesta sexta, o time derrotado apresentou uma denúncia formal contra o rival catalão pela suposta escalação irregular de um jogador na primeira partida.

De acordo com o Levante, o zagueiro Juan Brandariz, mais conhecido como "Chumi", teria que cumprir uma suspensão automática por acúmulo de cartões amarelos jogando pelo Barcelona B, na terceira divisão do Campeonato Espanhol, e não poderia ter ido a campo no jogo de ida.

Mas a Real Federação Espanhola de Futebol (RFEF) explicou que a acusação do Levante aconteceu após o prazo de 48 horas para denúncias, uma vez que a partida foi realizada no último dia 10. O juiz responsável pelo caso decidiu "manter o resultado do jogo e manter o Barcelona na disputa das quartas de final".

O Levante ainda pode recorrer contra a decisão, mas momentos após ela ter sido anunciada, a RFEF realizou o sorteio dos confrontos das quartas. Nele, ficou decidido que o Barcelona vai encarar o Sevilla, na reedição da final da última edição do torneio, em que o time catalão ficou com o título.

Maior rival do Barcelona, o Real Madrid terá pela frente o Girona, responsável pela grande surpresa da competição até o momento ao eliminar o Atlético de Madrid nas oitavas. O Valencia terá pela frente o Getafe, enquanto o outro duelo colocará frente a frente Betis e Villarreal.

Os jogos de ida desta fase da competição serão realizados na semana que vem, enquanto os confrontos de volta acontecerão na semana seguinte.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.