Inseguro, Felipe pede para não jogar

O meia Felipe foi liberado pelos médicos do Flamengo, mas ainda não deve ter condições de enfrentar o Internacional, no fim de semana, em Porto Alegre. Embora tenha treinado normalmente nesta quarta-feira na Gávea, não se sente seguro e em condições físicas de voltar a atuar na próxima partida. "Acho que vou estar bem contra a Ponte Preta, daqui a 11 dias. Falta alguma coisa na parte física e na muscular." Para Felipe, as arrancadas do meio para o ataque, uma de suas características, estão comprometidas pela falta de ritmo de jogo. "Se a partida com o Internacional fosse decisiva, eu estaria em campo. Mas não há necessidade de precipitar nada." Enquanto espera por Felipe, o técnico Waldemar Lemos continua escalando o meia Igor.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.