Ricardo Duarte / S.C. Internacional
Ricardo Duarte / S.C. Internacional

Inter abre 2 a 0, mas leva empate do Sport e vê a pressão aumentar em Ramírez

Partida teve diversas polêmicas de arbitragem, com gol da equipe colorada anulado nos acréscimos

Redação, Estadão Conteúdo

30 de maio de 2021 | 23h05

O Internacional caminhava para uma vitória tranquila no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, após abrir 2 a 0, mas levou o empate do Sport na estreia do Campeonato Brasileiro e viu a pressão aumentar em cima do técnico Miguel Ángel Ramírez com a igualdade por 2 a 2 neste domingo. Edenílson (em cobrança de pênalti) e Rodrigo Lindoso (cabeça) anotaram para o atual vice-campeão nacional, mas os veteranos Thiago Neves (também de pênalti) e André, com auxílio do VAR, deixaram tudo igual. No final, gol de Thiago Galhardo foi anulado pela arbitragem, para muita reclamação dos jogadores do Inter.

O empate deixou o Internacional na 11.ª colocação com um ponto, enquanto que o Sport ficou em oitavo com a mesma pontuação. Esse foi o primeiro jogo de Série A em toda a carreira do técnico Umberto Louzer, que, no ano passado, foi campeão da Série B com a Chapecoense.

O Internacional começou a partida em cima e abriu o marcador aos 18 minutos. Caio Vidal foi derrubado na área por Sander. Na cobrança do pênalti, Edenílson bateu na esquerda, deslocou o goleiro Maílson e abriu o marcador.

O Sport tentou a reação aos 35 minutos. Thiago Neves tentou de cabeça e a bola sobrou para Thyere, que bateu, mas o goleiro Marcelo Lomba fez boa defesa. Aos 43, Rodrigo Lindoso aproveitou escanteio batido e, de cabeça, aumentou o marcador para o clube gaúcho.

No segundo tempo, o Internacional não diminuiu o ritmo e quase fez o terceiro aos oito minutos. Yuri Alberto acertou a trave do Sport. Aos 16, Thiago Neves chutou e a bola pegou na mão de Maurício. Na cobrança de pênalti, o camisa 30 bateu no meio, Marcelo Lomba pulou para a esquerda e o clube pernambucano diminuiu o marcador.

O Sport foi em busca do empate. Maxwell chutou com perigo para fora aos 38 minutos. Na sequência, ele teve mais uma chance, mas Marcelo Lomba fez boa defesa. Aos 44, chegou ao empate. André recebeu de Gustavo e anotou, mas o árbitro paulista Vinícius Gonçalves Dias Araújo marcou impedimento. Após análise do VAR, ele voltou atrás e confirmou o gol.

No último lance, mais uma polêmica de arbitragem. Patrick cruzou, Palacios ajeitou de cabeça e Thiago Galhardo tocou para o gol de letra. Contudo, o bandeirinha havia sinalizado que a bola havia saído no cruzamento de Patrick e o juiz apitado antes da conclusão da jogada. Por conta disso, o lance não pode ser revisado pelo VAR.

Na segunda rodada, o Internacional visitará o Fortaleza no domingo, às 16 horas, na Arena Castelão, em Fortaleza. No mesmo dia, mas às 20h30, o Sport receberá o Atlético-MG, no estádio da Ilha do Retiro, no Recife.


FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 2 x 2 SPORT


INTERNACIONAL - Marcelo Lomba; Renzo Saravia, Lucas Ribeiro, Víctor Cuesta e Moisés; Rodrigo Lindoso, Edenilson (Nonato), Taison (Palacios) e Maurício (Praxedes); Yuri Alberto (Thiago Galhardo) e Caio Vidal. Técnico: Miguel Ángel Ramírez.


SPORT - Mailson; Hayner, Rafael Thyere, Sabino e Sander (Marquinhos); Marcão Silva, Júnior Tavares, Ricardinho e Thiago Neves (Gustavo Oliveira); Paulinho Moccelin (Maxwell) e Mikael (André). Técnico: Umberto Louzer.


GOLS - Edenílson (pênalti), aos 18, e Rodrigo Lindoso, aos 43 minutos do primeiro tempo; Thiago Neves (pênalti), aos 16, e André, aos 44 minutos do segundo tempo.


CARTÕES AMARELOS - Moisés, Maurício, Lucas Ribeiro e Palacios (Internacional); Rafael Thyere (Sport).


ÁRBITRO - Vinícius Gonçalves Dias Araújo (SP).


RENDA E PÚBLICO - Jogo com portões fechados.


LOCAL - Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.