Inter arrasa a Sampdoria e fica perto da final da Copa da Itália

A Inter de Milão deu um passo gigantesco para se classificar para sua terceira decisão seguida da Copa da Itália. Bicampeã do torneio, a equipe do técnico Roberto Mancini foi ao Estádio Luigi Ferrari, em Gênova, e fez 3 a 0 na Sampdoria, na primeira partida das semifinais. Com isso, pode perder por até dois gols de diferença o confronto da volta, no dia 1.º de fevereiro, no Estádio Giuseppe Meazza. Mesmo tendo poupado alguns jogadores, como os brasileiros Maicon e Adriano, o volante Cambiasso e o atacante Ibrahimovic, a Inter foi superior desde o começo e abriu dois gols de vantagem em menos de meia hora de jogo. Graças à legião argentina: o zagueiro Burdisso abriu o placar aos nove minutos e o atacante Crespo ampliou aos 24. O próprio Burdisso tratou de fechar o marcador aos 11 da etapa final. O resultado só reafirma a boa fase da Inter, líder isolada do Campeonato Italiano, com 11 pontos à frente do segundo colocado, a Roma, e com 13 vitórias seguidas na competição - recorde no país. O vencedor do confronto entre Inter de Milão e Sampdoria enfrenta na final o ganhador da outra semifinal, entre Roma e Milan. O primeiro jogo será nesta quinta-feira, em Milão. Italiano Em jogo adiado da 16ª rodada, o Catania venceu o Empoli por 2 a 1, nesta quarta-feira, chegou aos 29 pontos e tirou do rival a quarta colocação do Campeonato Italiano. Caserta e Mascara fizeram os gols do Catânia e Busce marcou o do Empoli, que caiu para o quinto lugar, com 28 pontos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.