Ricardo Duarte/Inter
Ricardo Duarte/Inter

Inter cede empate ao Veranópolis e aumenta pressão sobre Odair Hellmann

Colorado chega aos quatro pontos no Campeonato Gaúcho com igualdade em 1 a 1, fora de casa

Redação, Estadão Conteúdo

30 de janeiro de 2019 | 21h33

O Internacional conheceu o seu terceiro tropeço consecutivo no Campeonato Gaúcho. Mesmo com um jogador a mais durante quase todo o segundo tempo, a equipe colorada ficou no 1 a 1 com o Veranópolis na noite desta quarta-feira, no Estádio Antônio David Farina, pela quarta rodada.

O resultado deixou o Internacional com apenas quatro pontos na tabela de classificação, contra sete de seu arquirrival Grêmio, que entra em campo na quinta-feira frente ao São Luiz. Já o Veranópolis soma apenas três.

Pressionado com a sequência de maus resultados, o técnico Odair Hellmann colocou o time titular em campo para não correr riscos de um novo tropeço. Mas o que se viu foi uma partida equilibrada, com o Veranópolis sendo superior em alguns momentos, principalmente pelo lado de Iago.

Marcelo Lomba, inclusive, trabalhou bastante para manter o zero no placar enquanto possível. O goleiro saiu nos pés de Juba para evitar o gol. Em seguida, contou com a sorte ao ver o arremate de Raphael Macena carimbar a trave. O Veranópolis foi perigoso, mas pecou no chute final.

Já o Inter teve um gol anulado, marcado por William Pottker. O atacante ainda perdeu um gol em cima da linha, após chute cruzado e Nico López. Sem brilho, a equipe colorada sofreu com a falta de criatividade de seus principais jogadores, que ficaram apenas nos lampejos nos 45 minutos iniciais.

No segundo tempo, o Inter cresceu e jogou o Veranópolis para o seu campo defensivo, principalmente depois da expulsão de Kaio, por cotovelada em Pottker. De tanto insistir, o clube colorado chegou ao gol. Aos 29 minutos, Rodrigo Dourado carimbou a defesa adversária e viu a bola sobrar para Nico López. O atacante chutou rasteiro para mandar no fundo das redes.

O Inter teve a chance de ampliar aos 34 minutos. O árbitro marcou pênalti, após a bola bater na mão de Lito. Rafael Sóbis foi para a cobrança e chutou em cima de Reynaldo. Na sobra, o próprio atacante chutou no travessão.

O castigo, então, veio aos 37 minutos. Juba avançou pela direita, tabelou com Juninho e cruzou na medida para Raphael Macena empatar. Depois do gol, o Veranópolis se fechou e conquistou um ponto importante contra o Inter.

Na próxima rodada, o Internacional enfrenta o Brasil de Pelotas na segunda-feira, às 20h40, no Estádio Beira-Rio. O Veranópolis joga no domingo diante do São José, às 18h, no Passo D'Areia.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.