Divulgação/ Inter
Divulgação/ Inter

Inter completa um mês de treinos e Rodrigo Dourado não sente mais dores no joelho

Sem atuar há quase um ano, jogador renovou contrato na semana passada até o fim de 2022

Redação, O Estado de S.Paulo

03 de junho de 2020 | 22h46

O Internacional completou, nesta quarta-feira, um mês de treinamentos após o retorno por causa da paralisação devido à pandemia do novo coronavírus e teve motivos para festejar a data. Segundo Cristiano Nunes, coordenador da preparação física do clube, o volante Rodrigo Dourado não sente mais dores no joelho esquerdo com uma boa notícia.

Sem atuar há quase um ano, sua última partida oficial foi em 10 de julho do ano passado, Dourado renovou contrato na semana passada até o fim de 2022, quando vai completar dez anos no clube.

"Estamos muito felizes com o retorno às atividades do Dourado. Vemos com bons olhos, otimismo. Não tem relatado dor, aquilo que muitas vezes incomodava em qualquer esforço. Evoluindo, conseguirá a forma física. Isso ocorrerá com acompanhamento detalhado nas próximas semanas, meses de trabalho", disse Cristiano Nunes, que não aponta uma data de retorno aos gramados para o atleta.

Os comandados do técnico argentino Eduardo Coudet concentraram seus trabalhos nesta quarta-feira no aperfeiçoamento das finalizações.

Ainda com duas sessões de treino para que seja completada a semana, os jogadores do time gaúcho iniciaram as atividades no centro de treinamento com atividades físicas, seguidas por um trabalho técnico para ajustar a precisão nos passes.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.