Robert Ghement/EFE - 21.02.2013
Robert Ghement/EFE - 21.02.2013

Inter de Milão cancela troca de Guarin por Vucinic

Envolvida na transação, Juventus não gostou da atitude do rival

AE, Agência Estado

21 de janeiro de 2014 | 16h33

MILÃO - A Inter de Milão anunciou nesta terça-feira que decidiu cancelar a troca de jogadores que estava negociando com a Juventus e que já havia até mesmo sido confirmada. Assim, o volante colombiano Fredy Guarin não vai mais para Turim nem o atacante montenegrino Mirko Vucinic chegará ao Giuseppe Meazza.

O problema é que a Juventus parece não ter gostado da decisão. Em nota, o clube alvinegro se pronunciou: "A Juventus não comenta o comunicado da Inter. O clube se concentra no jogo da Copa da Itália e amanhã (quarta) fará uma avaliação e explicará o que de tão intrigante aconteceu."

A negociação emperrou porque os torcedores da Inter de Milão ficaram furiosos ao saberem que Guarin, um dos ídolos do clube e titular absoluto da equipe, se transferiria para um time rival. Os dois jogadores que seriam trocados já até haviam feito exames médicos nos novos clubes, segunda-feira.

Nesta terça, porém, o indonésio Erick Thohir, que recentemente comprou a Inter, chegou a Milão e ordenou que o negócio fosse cancelado. "Depois de conversar com Massimo Moratti (homem forte do clube) e com seu filho Angelomario, Thohir considerou que as condições não foram cumpridas do ponto de vista técnico e econômico, para que se chegasse a um acordo", diz a nota publicada no site da Inter.

De acordo com a imprensa italiana, porém, Guarin já avisou que não joga mais pela Inter de Milão. Torcidas organizadas do clube convocaram um protesto para esta noite e prometem pedir trocas na diretoria.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.