Ivan Storti|Divulgação
Ivan Storti|Divulgação

Inter de Milão 'entra na briga' para tirar Gabriel do Santos

Jornal italiano diz que a equipe oferecerá proposta superior à da Juventus

O Estado de S.Paulo

30 de julho de 2016 | 11h46

O futuro de Gabriel parece ser mesmo longe do Santos. O atacante da seleção brasileira olímpica, que vem sendo muito especulado na Juventus, agora está na mira também de outro grande clube italiano. Segundo o jornal Gazzetta Dello Sport, a Inter de Milão pretende entrar em "leilão" com a rival e oferecer 30 milhões de euros pelo atleta.

Após insistir bastante na contratação de Gabriel Jesus, que deve mesmo jogar no Manchester City, a Inter de Milão parece ter mudado o foco e entrou forte na briga por Gabriel, que já até recebeu uma proposta da Juventus. A atual pentacampeã italiana ofereceu 20 milhões de euros pelo jogador de 20 anos, que chegaria ao clube para ser opção aos titulares Dybala e Higuaín, recentemente contratado por uma fortuna. Porém, a procura do time de Milão, se realmente se confirmar, pode balançar a cabeça do atleta, que teria mais chances de atuar como titular, já que a equipe passa por um período de reformulação.

Titular e um dos destaques da seleção que tentará a medalha de ouro para o Brasil nos Jogos Olímpicos, Gabriel vem realizando um grande ano pelo Santos e, além do título do Campeonato Paulista, marcou cinco gols no Brasileirão antes de se apresentar à seleção. Porém, essa sequência deve ser interrompida e sua saída já vem até repercutindo até mesmo dentro do clube. Nesta sexta-feira, seu companheiro de ataque Ricardo Oliveira elogiou bastante o jogador. "É uma decisão particular e eu não entro nisso. Envolve muitas coisas e não só dinheiro. É algo pessoal. Juventus é um grande do futebol mundial, clube mais vencedor da Itália e é isso que posso falar. Ele é muito talentoso e acho que jogaria em qualquer lugar do mundo pelo potencial e qualidade que tem".

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.