Barcelona
Barcelona

Inter de Milão nega negociação com Malcom por polêmica com a Roma, diz site

Brasileiro tinha sido anunciado pela equipe italiana, mas Barcelona 'atravessou' o acordo com o Bordeaux

O Estado de S.Paulo

16 Outubro 2018 | 11h14

A polêmica ida de Malcom para o Barcelona ainda não foi esquecida na Itália. Segundo informações da imprensa italiana, o jogador foi oferecido por seus representantes e prontamente rejeitado na Inter de Milão por conta da forma como tratou a Roma durante as negociações na última janela de transferências.

Um dia depois da equipe italian anunciar um acordo com o Bordeaux para ter o atacante brasileiro, faltando apenas os exames médicos para oficializar o negócio, o Barcelona "atravessou" o acordo e anunciou a contratação do ex-jogador do Corinthians. Na época, o clube espanhol usou seu site oficial para confirmar a negociação por 41 milhões de euros (cerca de R$ 180 milhões), mais um milhão em variáveis de acordo com o desempenho do atleta.

Sem empolgar o técnico Ernesto Valverde, Malcom jogou apenas 26 minutos na atual temporada. A situação já foi questionada publicamente por seu agente, Junior Minguella.

"É difícil de explicar. Todos os jogadores precisam de adaptação e o Malcom teve tempo suficiente para fazê-lo e ter minutos. Até agora ele não os teve, mas quando ele puder jogar, ele demonstrará a qualidade que tem", disse o empresário è rádio RAC1.

Minguella negou que o brasileiro não tenha chance no clube por não ter sido um pedido do atual treinador catalão. "Não acho que o Malcom não jogue porque não foi um pedido do técnico. Ele teve que dar prioridade a Dembélé, que começou a marcar gols. Sim, é verdade que Dembélé perdeu a posição em favor de Coutinho".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.