Inter de Milão nega possibilidade de emprestar Adriano

Apesar do atacante voltar a apresentar problemas com a noite, equipe diz que jogador continuará

AE, Agencia Estado

30 de outubro de 2008 | 15h46

Massimo Moratti, presidente da Inter de Milão, negou qualquer possibilidade de negociar o atacante Adriano, por empréstimo, no início de janeiro, quando se abre o mercado de transferências. Foi especulado que a Roma, em má fase do Campeonato Italiano, estaria interessado na contratação do centroavante brasileiro.   Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão Moratti preferiu não opinar sobre a decisão do técnico José Mourinho de deixar Adriano fora do jogo entre Inter de Milão e Fiorentina. O brasileiro foi punido por ter chegado atrasado ao treinamento de terça-feira e por passar a noite de domingo em uma balada. "Sobre Adriano não dou nenhuma opinião. Se sabe que, como outros jogadores, saiu na noite, mas tudo parte da lealdade que há entre o jogador e o treinador e o jogador e seus companheiros", afirmou. "No fundo, é um garoto muito bom, o importante é que mantenha o reto o timão para que siga em um bom caminho".

Tudo o que sabemos sobre:
Inter de MilãoAdriano

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.