AFP
AFP

Inter de Milão tem atacantes titulares suspensos e Gabriel pode ganhar chances

Brasileiro pode enfrentar o Empoli e o Bologna, adversários dos próximos confrontos

Estadao Conteudo

06 Fevereiro 2017 | 15h50

O atacante Gabriel pode, enfim, receber as oportunidades pelas quais ele tanto espera na Inter de Milão. Nesta segunda-feira, a liga que organiza o Campeonato Italiano comunicou a suspensão, por dois jogos, dos dois atacantes titulares do time: o croata Perisic e o argentino Mauro Icardi. Eles também são os artilheiros da equipe no torneio, tendo marcado, juntos, 22 dos 37 gols anotados até aqui. Eles não pegam nem o Empoli nem o Bologna, nos dois próximos domingos.

Tanto Perisic quanto Icardi foram suspensos por reclamar com o árbitro Nicola Rizzoli após a derrota para o Juventus, por 1 a 0, no domingo. O argentino ficou revoltado por um pênalti não marcado sobre ele, que poderia empatar o jogo. Quando Rizzoli deu o apito final, Icardi chutou a bola para o alto, em sua direção.

O croata chegou a ser expulso de jogo, aos 49 minutos do segundo tempo, por gesticular contra a arbitragem. Já Icardi foi punido pelo combo: ofendeu o árbitro, gesticulando acintosamente contra ele, e também pela bola chutada contra o juiz.

Após 23 rodadas do Campeonato Italiano, Icardi sequer foi substituído até aqui e tem lugar cativo no ataque da Inter. Já Perisic atuou em 22 partidas, sendo 18 como titular. Além deles, quem também joga sempre é o veterano Candreva.

Agora, com duas vagas abertas no time, o técnico Stefano Pioli poderá dar a aguardada chance a Gabriel, que jogou pouco mais de meia hora em quatro partidas do Italiano até aqui. Além do ex-santista, o elenco conta com o veterano argentino Palacio, de 35 anos, o também brasileiro Eder, que fez sete jogos como titular até aqui, e com o francês Biabiany, de 28 anos, que está ainda mais desprestigiado que Gabriel.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.