Inter de Milão vai recorrer de multa de Balotelli

A Inter de Milão anunciou que vai apelar da multa de 7 mil euros imposta pela Liga Italiana ao atacante Mario Balotelli. Ele foi punido por ironizar torcedores após ser alvo de cânticos racistas durante partida do Campeonato Italiano.

AE, Agencia Estado

08 de janeiro de 2010 | 14h10

Balotelli, filho de imigrantes de Gana, aplaudiu os torcedores do Chievo Verona quando foi substituído durante a vitória da Inter de Milão por 1 a 0, em partida disputada na última quarta-feira. O atacante marcou o único gol da partida e disse que estava "incomodado" com as vaias e o comportamento dos torcedores.

A Inter de Milão foi multada em 15 mil euros por abuso racial dos seus torcedores com o meio-campista brasileiro Luciano, do Chievo, e pelo arremesso de fogos de artifício dos fãs. O Chievo não foi punido pelos incidentes na partida.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolInter de MilãoBalotellimulta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.