Inter decreta luto por dirigente morto em tragédia da TAM

Paulo Rogério Amoretty, ex-presidente do clube, é uma das vítimas da tragédia do vôo 3054

18 de julho de 2007 | 18h44

A diretoria do Internacional decretou luto oficial de três dias pela morte do ex-presidente Paulo Rogério Amoretty, um dos passageiros do vôo JJ 3054 da TAM, que se chocou contra um prédio depois de derrapar na pista do Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Amoretty trabalhava atualmente como advogado do Corinthians no caso Nilmar - o atacante luta na Justiça para se desvicular do time paulista."Ele foi um homem que vinculou sua vida ao Internacional e dedicou horas intermináveis ao clube do seu coração. É um momento de muita tristeza para a família colorada e para todos os gaúchos e brasileiros em geral", disse o atual presidente Vitório Piffero à Rádio Gaúcha.Além disso, a bandeira da equipe está a meio mastro no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. Amoretty, que comandou o clube entre 1998 e 1999, também será homenageado com um minuto de silêncio antes do jogo da noite desta quarta-feira contra o Corinthians. Os jogadores do time colorado usarão uma faixa preta na camisa em sinal de luto."Desde já, deixo todas as dependências do Beira-Rio à disposição da família do nosso querido Paulo Rogério. Se a esposa dele assim desejar, o velório será aqui", acrescentou Piffero.Os dirigentes do Grêmio, grande rival do Inter, também se solidarizaram com os familiares do ex-mandatário, do deputado federal Júlio Redecker e com todos os parentes das demais vítimas. "Que possam ter força para superar este momento de profunda dor e tristeza. Levem um abraço de toda a coletividade gremista em nome do presidente Paulo Odone e dos membros do Conselho de Administração", comenta a nota que está no site oficial do clube.O Corinthians também divulgou nota "manifestando suas condolências às famílias das vítimas, dentre elas a ilustre figura do advogado Dr. Paulo Rogério Amoretty Souza, ex-presidente do Sport Club Internacional e colaborador do corpo jurídico do Corinthians."Luto em São PauloAssim como os jogadores do Inter, os atletas do São Paulo também entrarão no gramado do Estádio do Morumbi usando uma faixa preta no braço em respeito aos mortos no acidente aéreo, ocorrido no início da noite de terça-feira. A homenagem são-paulina acontecerá na partida com o Fluminense, nesta quarta, pelo Brasileirão. Também será respeitado um minuto de silêncio antes do apito inicial.

Tudo o que sabemos sobre:
Paulo Rogério Amorettyvôo 3054

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.