Alexandre Lops/Divulgação
Alexandre Lops/Divulgação

Inter derrota Ponte de virada e continua na briga pelo G-4

Time gaúcho levou um susto, mas conseguiu ganhar no Estádio Beira-Rio por 2 a 1

Lucas Azevedo, Agência Estado

12 de agosto de 2012 | 18h26

PORTO ALEGRE - O Internacional vacilou, mas conseguiu no fim a vitória sobre a Ponte Preta neste domingo, por 2 a 1, no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, em partida válida pela 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com a vitória de virada, o time da casa afastou uma possível crise e alcançou os 30 pontos, ficando em quinto lugar. Já a Ponte Preta segue com 20, e estacionou no meio da tabela.

Como anfitrião, o Inter comandou as ações da partida desde o início, mas não foi feliz nas finalizações, sem exigir muito de Edson Bastos, o goleiro da Ponte Preta. E, aos 40 minutos de jogo, a Ponte Preta surpreendeu e abriu o placar. Cicinho ganhou na corrida e chutou cruzado, no canto direito de Muriel.

Na volta para a etapa final, o técnico Fernandão mexeu na equipe e trouxe um time mais ofensivo para a segunda etapa. Aos 14, Fred cruzou para Jajá na grande área, que cabeceou no cantinho para empatar a partida.

A equipe gaúcha partiu para definir a partida e no fim conseguiu seu objetivo. Nos acréscimos, aos 47, Mike chutou, mas a bola bateu na zaga. No rebote, Élton tocou novamente para o lateral, que chutou no canto direito de Edson Bastos para sacramentar a vitória.

O Inter entra em campo novamente na próxima quinta-feira, às 21h, contra o Corinthians, no Pacaembu. Já a Ponte Preta recebe o Bahia na quarta-feira, às 20h30, no Moisés Lucarelli, em Campinas.

FICHA TÉCNICA

GOLS - Cicinho, aos 40 minutos do primeiro tempo; Jajá, aos 14, e Mike, aos 47 minutos do segundo tempo.

INTER - Muriel; Nei, Bolívar, Rodrigo Moledo e Kleber (Mike); Ygor (Maurides), Elton, Guiñazu Fred (Lucas Lima); Jajá e Diego Forlán. Técnico: Fernandão.

PONTE PRETA- Edson Bastos; Gerônimo, Tiago Alves, Gustavo e Uendel (João Paulo); Baraka, Somália, Cicinho e Marcinho (Caio); André Luis e Rildo (Bruno Nunes). Técnico: Gilson Kleina.

CARTÕES AMARELOS - Ygor, Guiñazu e Lucas Lima (Inter); Rildo (Ponte Preta).

ÁRBITRO - Sandro Meira Ricci (Fifa/PE).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoInterPonte Preta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.