Inter e Coritiba empatam no Beira-Rio

Internacional e Coritiba empataram por 1 a 1 neste domingo, no Beira-Rio. Apesar da frustração com o resultado, o time gaúcho avançou do 13º para o 12º lugar na classificação, agora com 35 pontos, porque foi beneficiado pelas derrotas do Figueirense e do Criciúma. O time paranaense manteve a décima posição, com 38 pontos. O jogo foi truncado pelo excessivo cuidado defensivos dos dois times, mas, mesmo assim, teve alguns lances emocionantes. O melhor deles foi de Fernandão, numa das poucas vezes que o Inter chegou ao ataque no primeiro tempo. O jogador recebeu um lançamento de Wilson e, de costas para o gol, aplicou um balãozinho num marcador e acertou uma bicicleta para abrir o placar, aos 21 minutos. Sete minutos depois, o atacante Nilmar roubou a bola do zagueiro Vágner e, mesmo desequilibrado, avançou para chutar na trave. Em sua conclusão mais perigosa no primeiro tempo, o Coritiba também se aproveitou de um vacilo, do colorado Gavilán, que deixou a bola chegar aos pés de Ricardinho, livre. O chute acertou a trave. O time paranaense chegou ao empate aos seis minutos do segundo tempo. Na ponta direita, Aristizábal driblou seu marcador e virou o jogo, cruzando para o lado esquerdo da área, onde Adriano entrava livre para marcar, de peixinho. O Coritiba poderia ter virado aos 14 minutos, quando, após cobrança de escanteio, Vágner cabeceou para fora. Daí em diante, o Internacional passou a pressionar, mas não criou muitas chances claras de gol. Aos 34 minutos, o goleiro Fernando defendeu um chute de Diego e logo depois Pepo afastou uma bola chutada por Edinho que já estava entrando no gol.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.