Lucas Figueiredo/CBF
Lucas Figueiredo/CBF

Inter empata com o Santos na Vila Belmiro e fatura o Brasileiro de Aspirantes

Resultado foi suficiente já que time gaúcho ganhou o primeiro duelo por 3 a 1

Estadão Conteúdo

10 de dezembro de 2017 | 19h42

O Internacional conquistou neste sábado o título do Campeonato Brasileiro de Aspirantes. Em decisão disputada na Vila Belmiro, o time gaúcho empatou por 1 a 1 com o Santos, resultado que foi suficiente para a conquista da competição, pois havia vencido o jogo de ida, no Beira-Rio, por 3 a 1.

+ Inter anuncia contratação de dois destaques da Série B

+ Leia mais notícias sobre o Internacional

Com a vantagem conquistada no primeiro duelo, o Inter tratou de segurar o ímpeto do Santos, que até a o compromisso em Porto Alegre havia vencido todos os seus jogos na competição. Ainda assim, o clube gaúcho quase abriu o placar do jogo aos 43 minutos em uma finalização de Ronald que encobriu o goleiro Gabriel Gasparatto e parou no travessão.

Mas o Santos conseguiu marcar nos acréscimos, com Diego Cardoso, que finalizou cruzado aos 46. O gol animou o Santos para a etapa final. Só que foi o Inter quem empatou o jogo. Aos 28 minutos, Mossoró fez grande jogada individual e cruzou para Joanderson empatar o jogo e assegurar a conquista do Brasileiro de Aspirantes para o Inter.

Na sua campanha no torneio sub-23 organizado pela CBF, o Inter somou duas vitórias, sobre Coritiba (2 a 1) e Cruzeiro (2 a 0), e dois empates, com São Paulo (1 a 1) e Figueirense (0 a 0), na fase de grupos. Nas semifinais, perdeu para o Atlético-MG na ida (1 a 0), mas venceu na volta (2 a 1) e assegurou a passagem para a decisão nos pênaltis. Joanderson, autor do gol do título, e Fernando, foram os artilheiros do time.

O Santos teve o artilheiro da competição, Diego Cardoso, com seis gols marcados. E contou na sua campanha com a participação de Orinho, lateral promovido aos profissionais por Levir Culpi em agosto. Agora os jovens utilizados no Brasileiro de Aspirantes esperam seguir os passos de jogadores como Vitor Bueno, Ronaldo Mendes e Lucas Veríssimo, que receberam chances na equipe principal após serem utilizados no time B santista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.