Ricardo Duarte/ Internacional
Ricardo Duarte/ Internacional

Inter encara Santa Cruz no Arruda em confronto direto por vaga no G4 da Série B

Time gaúcho tem chance de voltar a ficar entre os quatro primeiros colocados da tabela

Estadao Conteudo

17 de junho de 2017 | 08h14

Após deixar a zona de acesso da Série B do Campeonato Brasileiro ao empatar por 1 a 1 com o América-MG, o Internacional tem chance de voltar a figurar entre os quatro primeiros colocados. Às 16h30 deste sábado, o time gaúcho faz um confronto direto com o Santa Cruz por vaga no G4 da tabela em jogo válido pela oitava rodada, no estádio do Arruda, em Recife (PE).

As duas equipes, que foram rebaixadas da Série A no ano passado, demonstram bastante instabilidade na competição nacional e estão empatadas com 12 pontos. Aquela que vencer tem vaga garantida no G4 até a próxima rodada e dá um passo importante para reconquistar a confiança da torcida.

O empate com o América-MG interrompeu uma sequência de duas vitórias do Internacional e o time voltou a ser questionado. A expectativa dos torcedores era de que a Série B não apresentasse muitas dificuldades, mas já ficou provado que será preciso paciência até que a equipe se acerte.

O técnico Guto Ferreira fechou o último treino e não revelou a escalação, mas é certo que vai fazer três alterações para suprir desfalques importantes. D'Alessandro e Fabinho, suspensos, estão fora, assim como William Pottker, que vai desfalcar o time por até um mês por conta de uma lesão na coxa esquerda. "Cada momento é um momento, cada jogo é um jogo", despistou Guto sobre a escalação.

O Santa Cruz vinha de um momento ruim, com duas derrotas seguidas, que culminaram na demissão do técnico Vinícius Eutrópio. O clube ainda não contratou um substituto e a equipe segue sendo comandada interinamente por Adriano Teixeira. A diretoria deu um voto de confiança ao até então auxiliar após a vitória por 3 a 1 sobre o Ceará, no Castelão, em Fortaleza (CE), na rodada passada da Série B.

Neste confronto direto deste sábado, Adriano terá dois desfalques. O volante Frederico Gino foi vetado porque lesionou a coxa esquerda. Enquanto isso, o atacante Ricardo Bueno recebeu propostas de Goiás e Chapecoense. Ele, portanto, não joga para não completar sete jogos na Série B, o que impediria uma transferência para o Goiás, outro time que também disputa a segunda divisão nacional nesta temporada. Thiago Primão e Halef Pitbull ficarão com as vagas dos dois jogadores no time titular.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.