Inter faz ponto extra, mas é lanterna

Num jogo bastante movimentado e bom tecnicamente, Internacional e Guarani empataram em 3 a 3 na tarde deste sábado, em Limeira, em partida válida pelo Campeonato Paulista da Série A-1. Na disputa de pênaltis, a Inter ficou com o ponta extra ao fazer 4 a 3. Esse resultado, no entanto, pouco alterou a situação do time no campeonato. A Inter continua na lanterna com apenas quatro pontos. O Guarani está com 11 pontos na classificação geral do Campeonato Paulista.O primeiro tempo foi bastante movimentado, com várias alternativas. O Guarani saiu na frente aos 14 minutos, quando Fernando Fumagalli cobrou pênalti cometido por Émerson sobre Zé Carlos. Dois minutos depois a Inter diminuiu, num rápido contra-ataque, bem aproveitado pelo ponta Paulinho, que chutou cruzado com a perna esquerda. A Inter virou o jogo no final do segundo tempo, num belo gol do zagueiro Edmilson. Ele viu o goleiro Edervan adiantado e, mesmo de fora da área, chutou por cobertura, acertando o ângulo aos 43 minutos.O técnico Carlos Alberto Silva desceu para os vestiários gritando muito com seus jogadores. O bronca surtiu efeito e o time melhorou na segunda etapa. Logo aos dois minutos, o Guarani conseguiu o empate após uma cobrança de escanteio. O meia Luiz Fernando, que substituiu Lindomar, ajeitou de cabeça para o zagueiro Ernani, que dominou a bola no peito e mesmo desequilibrado chutou para o gol. A bola ainda bateu no goleiro Nilson, que não impediu o empate.Como numa reprise do primeiro tempo, o jogo continuou muito equilibrado, com os dois times criando chances de gol. Mas quem se deu melhor foi o Guarani, que desempatou aos 34 minutos, com o meia Luiz Fernando cobrando pênalti, que ele mesmo sofreu ao ser segurado por Vítor. A Inter tentou o empate na base da pressão, e num bate-rebate, o veterano Caio empatou de cabeça.Na cobrança de pênaltis, a Inter venceu por 4 a 3. As cobranças da Inter foram convertidas por Edmilson, Paulinho, Marcelo Heleno e Caio, com o chute de Luizinho Vieira sendo defendido por Edervan. Pelo Guarani, marcaram Luiz Fernando, Melinho e Edu Dracena, enquanto as cobranças de Martinez e Jorge Luis foram defendidas pelo goleiro Nilson.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.