Ricardo Duarte/Internacional
Ricardo Duarte/Internacional

Inter fecha semana de treinos em Atibaia vencendo equipe local em jogo-treino

Diretor do time gaúcho considerou que a semana no interior de São Paulo foi proveitosa

Redação, Estadao Conteudo

29 de junho de 2019 | 17h50

O Internacional encerrou a semana de treinos em Atibaia, no interior de São Paulo, com uma vitória sobre a equipe do Atibaia-SP por 3 a 0, em jogo-treino realizado neste sábado. Agora, a equipe gaúcha retorna a Porto Alegre para encerrar a sua intertemporada pensando nas três frentes que disputa: Copa Libertadores, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro.

Com gols de Nico López, Rafael Sóbis e Santiago Tréllez, o time comandado pelo técnico Odair Hellmann realizou a segunda atividade desta natureza em dois dias seguidos. Na sexta-feira, o elenco já havia feito uma movimentação contra o Pouso Alegre-MG, vencendo pelo placar de 2 a 0.

No jogo-treino deste sábado, a equipe começou escalada com Marcelo Lomba; Zeca, Roberto, Victor Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenílson, Nonato, D'Alessandro e Nico López; Rafael Sóbis. É uma formação que deve iniciar a partida contra o Palmeiras no próximo dia 10 no estádio Allianz Parque, em São Paulo, pela rodada de ida das quartas de final da Copa do Brasil.

Para o vice de futebol do clube, Roberto Melo, a semana em Atibaia foi das mais proveitosas. "Fizemos treinos muito bons, aproveitando o clima, que ajudou bastante e permitiu trabalhar o que estava planejado. Assim como aconteceu no ano passado, fizemos uma grande semana. Agora é terminar este período de treinamentos e voltar ainda mais forte do que já estávamos antes da parada (para a Copa América)", afirmou.

O dirigente também comentou sobre possíveis contratações do clube de Porto Alegre. Em pauta, estão os nomes do meia-atacante Taison, formado no Beira-Rio, que está no Shakhtar Donetsk, e do volante chileno Charles Aránguiz, do Bayer Leverkusen, também ex-atleta colorado, cujas voltas têm sido especuladas. "Neste momento, não existe essa possibilidade. O Taison até a gente tentou ano passado, antes que ele renovasse seu contrato por lá. Mas está muito bem, é capitão da equipe. Então, é uma situação completamente fora da realidade para o futebol brasileiro. E o Aránguiz da mesma forma, o clube dele investiu muito e pretende contar com ele na Liga dos Campeões. É muito difícil", respondeu.

Para o vice de futebol colorado, o importante neste momento é a manutenção do elenco. Sondado por clubes de fora do país, o volante Edenílson fica no clube, de acordo com o dirigente. "Fui até Gênova (o atleta atuava pelo Genoa, da Itália) em janeiro de 2017 e ele topou vir, mesmo com o Inter na Série B. Ele gostou do projeto e veio para ser valorizado, virou ídolo do clube. É normal propostas aparecerem num momento bom da equipe, mas a gente recusou e ele vai ficar até o fim da temporada", prometeu.

Além da Copa do Brasil, o clube gaúcho ainda continua na disputa da Libertadores, na qual enfrenta o Nacional, do Uruguai, pelas oitavas de final do torneio nos dias 24 e 31 de julho (o primeiro duelo será em Montevidéu). No Brasileirão, a equipe é a quarta colocada, com 16 pontos após nove rodadas, e volta a atuar diante do Athletico-PR, no dia 14, na Arena da Baixada, em Curitiba.

Tudo o que sabemos sobre:
Inter [Sport Club Internacional]

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.