Reuters
Reuters

Inter homenageará Fernandão com nova placa do 'gol 1000' em Gre-Nais

Modelo original foi instalado no Beiro-Rio após o 360º clássico e se perdeu durante a reforma do estádio para a Copa do Mundo de 2014

Marcio Dolzan, Estadão Conteúdo

01 de abril de 2018 | 19h34

O Internacional irá prestar mais uma homenagem a Fernandão, ex-atacante ídolo colorado que faleceu em acidente de helicóptero em junho de 2014. Na quarta-feira, dia do aniversário de 109 anos do clube, o Inter irá inaugurar uma nova placa no estádio Beira-Rio em homenagem ao gol mil em clássicos Gre-Nais, marcado por Fernandão em julho de 2004.

+ Leia mais notícias sobre o Internacional

+ Inter fica no 0 a 0 com o Caxias em jogo-treino e decepciona torcida no Beira-Rio

Fernandão marcou o milésimo gol em clássicos gaúchos logo em sua partida de estreia pelo time colorado, no Gre-Nal 360. Para marcar o feito, o Inter instalou uma placa no Beira-Rio dias após aquele jogo, mas a homenagem se perdeu durante a reforma do estádio para a Copa do Mundo de 2014. Agora, uma réplica idêntica será colocada ao lado do memorial dedicado ao atacante no Beira-Rio.

"Ele era um atleta amado pela torcida pela sua personalidade de líder e foi o capitão das maiores conquistas do clube. Entrou para a história do futebol gaúcho com o gol mil e poucos dias depois foi homenageado com uma placa comemorativa ao feito, no vestiário do Beira-Rio. Essa placa sumiu durante a reforma do estádio e não foi mais encontrada", conta Otavio Rojas, que assumiu a vice-presidência de marketing e mídia do Inter este ano.

Rojas ocupava o mesmo cargo no clube em 2004, quando da colocação da placa original. "Me senti na obrigação de resgatar essa homenagem do grande ídolo do clube no século XXI. Produzimos uma réplica da placa original, que ficou perfeita", diz o dirigente. "O Fernandão é o único atleta que teve esse tipo de homenagem nos 109 anos de vida do Inter, uma estátua, um memorial e a placa comemorativa ao gol histórico no maior rival."

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.