Inter perde e Grêmio ganha no Gaúcho

O Internacional encerrou sua participação no primeiro turno da Chave 1 como a maior decepção do início do Campeonato Gaúcho. Com a derrota deste domingo, por 1 a 0, para o Santa Cruz, o tricampeão estadual continua no quinto lugar, com três pontos, e pode cair para a lanterna do grupo se o Farroupilha, que tem dois pontos, empatar com o Novo Hamburgo nesta segunda-feira. Para sonhar com a classificação para as semifinais, o Internacional terá de vencer quatro dos cinco jogos do segundo turno. No outro jogo da chave neste domingo, o Glória ganhou do Veranópolis por 2 a 1 e assumiu a liderança, com oito pontos. Aplicados na marcação, os jogadores do Santa Cruz conseguiram controlar os movimentos do Internacional do primeiro tempo. O colorado só teve uma boa chance, que Diego desperdiçou quando estava na frente do goleiro Fernando Wellington. Aos 33 minutos, repetindo a jogada que já havia levado perigo algumas vezes ao gol defendido por Clemer, o Santa Cruz conseguiu fazer 1 a 0. Marcelinho cobrou escanteio e o zagueiro João Miguel apareceu entre os defensores do Internacional para cabecear a bola para as redes. O Internacional tentou forçar o ritmo no segundo tempo, mas só esteve perto de empatar um vez, num lance em que Fernandão cabeceou a bola no canto e o goleiro Fernando Wellington, com grande agilidade, fez a defesa. Na Chave 2, o Grêmio goleou o São José de Cachoeira do Sul por 4 a 1 e assumiu a liderança, com oito pontos. O Caxias venceu o Guarani de Venâncio Aires por 1 a 0. Para manter o primeiro lugar, o Grêmio torce para o Brasil de Pelotas, que tem sete pontos, não vencer o São Gabriel nesta segunda-feira. Em seu jogo, o Grêmio tomou um susto aos 9 minutos do primeiro tempo, quando Fábio Santos, do São José, acertou um chute da trave. Depois, o tricolor tomou conta do jogo e passou a criar chances e mais chances. Somente no primeiro tempo foram dez. Aos 24 minutos, Somália recebeu um lançamento, girou diante dos zagueiros e fez 1 a 0. Aos 39 minutos, Marcus Vinícius fez o segundo gol, cobrando uma falta. Parecia que o jogo seria fácil, mas o Grêmio passou quase todo o segundo tempo sob sufoco do adversário. Aos 10 minutos, Josiel driblou a defesa tricolor e descontou. O São José passou a pressionar. O alívio para o Grêmio chegou aos 40 minutos, quando Samuel fez o terceiro. O atacante voltou a marcar aos 46 minutos, fechando o placar de 4 a 1. Na Chave 3, o 15 de Novembro perdeu a invencibilidade para o Esportivo, por 3 a 0, mas manteve a liderança, com nove pontos. O Passo Fundo goleou a Ulbra por 5 a 0 e o São José de Porto Alegre derrotou o Juventude por 1 a 0.

Agencia Estado,

13 de fevereiro de 2005 | 18h21

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.