Inter pode reforçar marcação para jogo contra São Paulo

Como costuma fazer nas grandes decisões, o Internacional é todo mistério para o jogo contra o São Paulo, nesta quarta-feira, às 21h50, no Morumbi, pela 32.ª rodada, que pode levá-lo tanto à liderança do Campeonato Brasileiro quanto para fora da zona de classificação da Copa Libertadores da América, dependendo da combinação de resultados da rodada.

ELDER OGLIARI, Agência Estado

28 de outubro de 2009 | 08h23

Veja também:

linkSão Paulo recebe Internacional para assumir a liderança

especialMASCOTES - Baixe o papel de parede do seu time

especialVisite o canal especial do Brasileirão

Brasileirão 2009 - lista Tabela | tabelaClassificação

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

Mesmo satisfeito com o 4-4-2 usado para vencer o Grêmio no último domingo, o técnico Mário Sérgio indicou, ao final do treino fechado desta terça, no CT do Palmeiras, em São Paulo, que pode voltar ao 3-5-2. Tudo porque o time tricolor paulista, ao contrário do gaúcho, deve iniciar o jogo com dois e não com um atacante. E a preocupação é não dar espaços para as arrancadas de Dagoberto e nem deixar a bola chegar até Washington dentro da área.

A chave do segredo passa pela escalação do volante Glaydson. Se ele entrar no lugar de Guiñazu, suspenso, o meio de campo terá uma linha de quatro jogadores, com dois volantes mais preocupados com as tarefas defensivas. Se a opção for pelo 3-5-2, Daniel entra na ala direita.

"Já jogamos nas duas fórmulas e as duas deram certo", despistou o treinador ao falar do esquema. Como considera que os jogadores já estão acostumados às duas possibilidades, Mário Sérgio também acredita que poderá mudar o posicionamento do time com o jogo em andamento, de acordo com as circunstâncias que forem surgindo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.