Inter quer vencer partida adiada para se aproximar do G4

O Internacional vê o jogo contra o Santos, nesta terça-feira, às 19h30, no estádio do Vale, em Novo Hamburgo (RS), adiado da 10.ª rodada, como a chance de entrar na briga por uma das quatro primeiras posições do Campeonato Brasileiro. O clube gaúcho é o sexto colocado, com 30 pontos, e ultrapassa o Corinthians, que tem a mesma pontuação e melhor saldo de gols, com um empate.

ELDER OGLIARI, Agência Estado

10 de setembro de 2013 | 07h04

Mas o ideal é uma vitória porque, além do quinto lugar, deixa o time colorado com 33 pontos, a um do rival Grêmio (terceiro colocado) e do Atlético Paranaense (quarto), que têm 34. "É um jogo importante para darmos um salto na tabela", projetou o zagueiro Juan.

O técnico Dunga não poderá contar com o lateral-direito Gabriel, suspenso. O substituto será escolhido entre o reserva imediato Ednei e o curinga Jorge Henrique, que já jogou na posição, no meio de campo e também no ataque. O atacante Diego Forlán segue a serviço da seleção uruguaia. Com isso, o argentino Scocco forma dupla com o artilheiro Leandro Damião.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoInter

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.