Divulgação
Divulgação

Inter vence em Campinas e assume 5º lugar do Brasileiro

Equipe chega ao quinto lugar, com 30 pontos, um a menos que rival Grêmio, primeiro time dentro do G4

AE, Agência Estado

07 de setembro de 2013 | 21h01

CAMPINAS - Depois de uma sequência de seis empates seguidos, o Inter finalmente embalou no Brasileirão. Neste sábado, a equipe colorada venceu a Ponte Preta, por 3 a 1, de virada, em pleno Moisés Lucarelli, pela última rodada do primeiro turno do Brasileirão. Na quarta, a equipe já havia batido o Corinthians, em Novo Hamburgo (RS).

Com o resultado, o Internacional chegou ao quinto lugar do Brasileirão, com 30 pontos, um a menos que rival Grêmio, primeiro time dentro do G4. Já a Ponte Preta encerra o primeiro turno do Brasileiro afundada dentro da zona de rebaixamento, na penúltima posição, com 15 pontos.

Apoiada por sua torcida, que resolveu incentivar após ter invadido os vestiários do Estádio Moisés Lucarelli na última sexta-feira, a Ponte Preta começou a partida ligada e teve mais volume de jogo que o adversário, apesar de sofrer para marcar D''Alessandro e Scocco. Na primeira chance de perigo, Betão aproveitou bola viva dentro da área e bateu forte. No meio do gol, Alisson conseguiu fazer a defesa.

Bem articulada, com Fellipe Bastos e Adrianinho, a Ponte Preta conseguiu abrir o placar aos 25 minutos. Após levantamento, Juan errou, Leonardo aproveitou, tentou driblar o goleiro, mas foi derrubado. Pênalti. Na cobrança, Willian mostrou tranquilidade e marcou seu 11.º gol.

A torcida campineira, no entanto, não teve muito tempo para comemorar. Cinco minutos depois aconteceu o empate colorado. D''Alessandro cobrou falta fechada em direção ao gol, Roberto ficou parado no meio do caminho e o zagueiro Juan se antecipou para desviar de cabeça, deixando tudo igual.

Na volta do intervalo, o Inter encontrou o "mapa da mina" e conseguiu construir sua vitória. Sempre pelo lado esquerdo, nas costas de Régis, o time visitante criou as principais jogadas. Na primeira investida pelo setor, Damião recebeu de Otávio e carimbou o travessão de Roberto.

Em outra jogada pelo setor, Leandro Damião fez jogada individual e foi derrubado por Betão. Mesmo distante, o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, D''Alessandro bateu bem e virou o marcador aos 15 minutos.

Os incentivos da torcida no começo da partida se transformaram em vaias e xingamentos direcionados. Isso desestabilizou ainda mais o fraco sistema defensivo paulista. O Inter aproveitou para ampliar. Mais uma vez pela esquerda, Willians cruzou na cabeça de Leandro Damião, que ajeitou para Scocco. Com tranquilidade, o argentino limpou a marcação e ampliou aos 26 minutos.

Sem conseguir reagir, muito menos levar perigo, os jogadores da Ponte viram a torcida deixar o campo antes mesmo do final para ver de longe mais uma derrota.

O Inter terá uma maratona de jogos. Na próxima terça-feira, o time encara o Santos, às 19h30, na Vila Belmiro, em jogo atrasado da décima rodada e abre o returno contra o Vitória, na quinta-feira, no mesmo horário, no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo. No mesmo dia, às 21 horas, a Ponte Preta encara o São Paulo, no Estádio do Morumbi, na capital paulista.

FICHA TÉCNICA:

PONTE PRETA 1 X 3 INTERNACIONAL

PONTE PRETA - Roberto; Régis, Diego Sacoman, Betão e Uendel; Baraka, Magal (Éverton Santos), Fellipe Bastos (Fernando Bob) e Adrianinho; Leonardo (Giovanni) e William. Técnico - Jorginho Campos.

INTERNACIONAL - Alisson; Gabriel, Índio, Juan e Fabrício; Ygor, Willians (Alex), Otávio (Josimar) e D''Alessandro; Scocco (Kleber) e Leandro Damião. Técnico - Dunga.

GOLS - Willian aos 25, de pênalti, e Juan aos 29 minutos do primeiro tempo. D''Alessandro aos 15, de pênalti, e Scocco aos 26 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Edivaldo Elias da Silva (PR).

CARTÕES AMARELOS - Betão e Sacoman (Ponte); Alisson, Gabriel e Willians (Internacional)

RENDA - R$ 55.724,00.

PÚBLICO - 4.131 pagantes.

LOCAL - Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolInterPonte PretaBrasileirão

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.