Inter vence o Pumas e dispara na liderança

O Internacional venceu, de virada, o Pumas, do México, por 2 a 1, na noite desta quarta-feira, pela terceira rodada do Grupo 6 da Copa Libertadores da América, no Estádio Olímpico Universitário da Cidade do México, e se isolou na liderança da chave, com sete pontos, contra quatro do Unión Maracaibo, da Venezuela, segundo colocado.O atacante Fernandão, com um gol aos 36 minutos da etapa final, definiu o placar. O jogo marcou a virtual eliminação do Pumas do torneio ao somar três derrotas em três jogos.A equipe mexicana levou vantagem no primeiro tempo. Com uma forte marcação sobre Tinga e Fernandão, o Pumas anulou as principais jogadas decriação do Inter e exigiu boas defesas do goleiro Clemer.O Internacional, do técnico Abel Braga, reagiu, aproveitando as chances desperdiçadas pelos mexicanos. A equipe gaúcha chegou a colocar uma bola na trave aos 9 minutos, por meio deCeará, respondida com um outro arremate na trave de Leandro Augusto.A pressão da torcida e o maior ímpeto da equipe da casa proporcionaram a abertura do placar para o Pumas, aos 43 minutos. O lateral Ceará falhou no recuo de bola a Clemer, de peito, Marioniaproveitou e pegou o rebote, cruzando depois para López, que definiu de cabeça e colocou a equipe mexicana em vantagem.No segundo tempo, o Pumas colocou em campo Fernando Morales, para tentar exercer maior marcação sobre os avanços previsíveis doInternacional. A mudança não surtiu o efeito esperado e a equipe gaúcha passou a dominar.O técnico Abel Braga movimentou suas peças para apertar os mexicanos. Rentería entrou e logo fez o gol de empate, aos 19 minutos, aproveitando rebote do goleiro Bernal.O empate mexeu com os nervos do Pumas, que passou a se defender e a esperar o final de jogo. No entanto, o atacante Fernandão, a nove minutos do final do tempo regulamentar, definiu o jogo, aproveitando cruzamento de Rentería.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.