Inter veta permanência de Ronaldinho

A intenção de o técnico Luiz Felipe Scolari contar com o atacante Ronaldinho, da Inter de Milão, durante a preparação da seleção brasileira para a partida contra o Uruguai foi frustrada pelo clube italiano. A explicação foi dada pelo próprio Ronaldo, que esteve nesta quarta-feira na Granja Comary, onde foi o centro das atenções: o preparador físico Cláudio Galdino viajou de Milão ao Rio para acompanhar o atleta nas duas semanas de férias e não haveria como os dois trabalharem juntos no ambiente da seleção. "Tenho um programa elaborado pela Inter; é a manutenção do estágio de recuperação que já atingi. O clube está preocupado e eu não estou convocado para treinar com a equipe do Brasil, é diferente."

Agencia Estado,

20 de junho de 2001 | 19h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.