Interino testa promessas e saca Renê Júnior no Santos

Em busca da recuperação no Campeonato Brasileiro, o Santos pode ter novidades na partida contra o Atlético Mineiro, quarta-feira, na Vila Belmiro, pela quinta rodada. Nesta segunda-feira, o técnico Claudinei Oliveira comandou coletivo no CT Rei Pelé e testou os meias Leandrinho e Pedro Castro, ambos promessas das categorias de base, entre os titulares.

SANCHES FILHO, Agência Estado

10 de junho de 2013 | 13h36

Os dois jogadores participaram da vitoriosa campanha do Santos na última edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior, disputada em janeiro, quando o time era dirigido exatamente por Claudinei. Na atividade, Leandrinho ficou com a vaga de Renê Junior, que foi barrado, na principal surpresa do coletivo.

Já Pedro Castro treinou como meia, na posição de Montillo, que está na seleção da Argentina, e de Felipe Anderson, contundido. Assim, o Santos iniciou o coletivo com a seguinte formação: Rafael; Rafael Galhardo, Edu Dracena, Durval e Léo; Arouca, Cícero, Leandrinho e Pedro Castro; Neilton e William José.

Durante a atividade, Claudinei realizou duas mudanças na equipe titular. O treinador sacou Arouca e promoveu a entrada de Renê Júnior, além de trocar Pedro Castro pelo atacante Gabriel, o que deixou o time no esquema tático 4-3-3.

Com apenas dois pontos somados em quatro jogos, o Santos está na lanterna do Campeonato Brasileiro e precisa vencer o Atlético-MG para não iniciar a paralisação do torneio nacional em crise e sob intensa pressão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.