Divulgação/Juventude
Divulgação/Juventude

Internacional anuncia contratação do atacante Roberson, do Juventude

Jogador é velho conhecido do treinador Antônio Carlos Zago

O Estado de S.Paulo

27 de dezembro de 2016 | 10h31

A chegada de Antônio Carlos Zago para comandar o Internacional a partir da próxima temporada já começa a interferir na lista de reforços do clube. Nesta terça-feira, o time porto-alegrense anunciou a contratação do atacante Roberson, que estava no Juventude, exatamente o último clube dirigido pelo ex-jogador.

O Inter explicou que Roberson, de 27 anos, vai assinar um contrato válido até dezembro de 2018. O atacante trabalhou com Antônio Carlos no Juventude nesta temporada, tendo sido parte do elenco que foi vice-campeão gaúcho - foi derrotado na decisão exatamente pelo Inter - e conseguiu o acesso para a Série B do Campeonato Brasileiro, além de ter avançado até as quartas de final da Copa do Brasil.

Roberson começou a carreira no catarinense Camboriú, sendo contratado pelo Grêmio com apenas 18 anos - ele foi repassado em 2009 ao Juventude. Em 2011, foi importante na arrancada do Sport para conseguir o acesso à elite do futebol brasileiro. Depois, entre 2013 e 2014, passou por Avaí e Náutico, antes de retornar ao Juventude, para posteriormente ser negociado com o argelino MC Alger, seu último time antes de voltar ao time de Caxias do Sul no início de 2016.


Agora Roberson chega para reforçar o setor ofensivo do Inter em 2017 e com um contrato válido por dois anos. Para a próxima temporada, além da chegada do novo técnico, o clube também já confirmou o retorno do meia argentino Andrés D'Alessandro, que estava emprestado ao River Plate.

Rebaixado à Série B do Campeonato Brasileiro, o Inter passa por processo de mudanças para a próxima temporada. O primeiro compromisso oficial do time em 2017 está agendado para 29 de janeiro, quando visitará o Veranópolis, pelo Campeonato Gaúcho.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.