Internacional goleia a Ponte em Campinas

A Ponte Preta perdeu para o Internacional, por 4 a 1, neste domingo à tarde, no Moisés Lucarelli, em Campinas. O resultado surpreendeu pelo placar, mas foi muito justo pelo futebol aplicado e eficiente do time gaúcho que agora tem 44 pontos, em quarto lugar e na briga direta pela liderança. A Ponte continua com 30 pontos, em 16º colocado no Campeonato Brasileiro. O técnico Abel Braga surpreendeu ao ?inventar? uma fórmula diferente. Ele optou pelo arriscado 3-4-3 que na prática não funcionou. O atacante Jean cobriu o lado direito da defesa, enquanto Gigena e Nenê ganharam vagas no ataque ao lado da Fabrício Carvalho. O Internacional manteve a sua base, sem destaques individuais, mas com força coletiva. Logo aos 5 minutos, o time gaúcho saiu na frente. Nilmar entrou livre pelo lado direito da área e na linha de fundo cruzou para o complemento de Diego. A Ponte chegou ao empate aos 18 minutos, quando Ronildo cobrou escanteio e Gerson ganhou de cabeça da defesa. O Inter ainda teve uma chance valiosa para desempatar aos 37 minutos, quando o árbitro Evandro Rogério Roman, do Paraná, viu um pênalti de Luis Carlos sobre Nilmar. O juiz assinalou a penalidade máxima inexistente mesmo estando muito longe do lan ce. Como que por castigo, Flávio bateu e o goleiro Lauro defendeu caindo do lado direito. Mas a sorte não ajudou a Ponte no segundo tempo. Os gaúchos marcaram o segundo gol logo aos 50 segundos, quando Sangaletti desviou de cabeça após a cobrança de falta. A defesa continuou falhando pelo alto e o zagueiro Fernando Cardozo, de cabeça, fez o terceiro aos 10 minutos, após escanteio. O Inter manteve sua rigidez na marcação, ficando na defesa para explorar os contra-ataques. Assim chegou aos quatro gol, quando Jéfferson Feijão foi lançado do lado esquerdo da área e bateu cruzado, aos 21 minutos. O Inter, agora, vai enfrentar o Santos, quarta-feira, na Vila Belmiro, na sua estréia pela Copa Sul-Americana. Pelo Brasileiro volta a atuar no fim de semana, em Salvador, contra o Bahia, buscando sua quarta vitória seguida. A Ponte Preta atuará em casa diante do líder Cruzeiro.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.