Internacional sonha com a liderança

Ainda sem quatro titulares, o Internacional sonha com uma vitória sobre o Goiás, neste sábado, no Beira-Rio, e com três resultados paralelos favoráveis no fim de semana para terminar a rodada em primeiro lugar no campeonato brasileiro. O técnico Lori Sandri acredita que o adversário, ferido pela derrota por 7 a 2 para o Criciúma, vai jogar fechado, mas disposto a se recuperar no contra-ataque. Ao mesmo tempo em que pede que a torcida seja paciente até os jogadores encontrarem o caminho do gol, Lori prepara um esquema móvel para evitar alguma armadilha de Celso Roth. O time está escalado para jogar no 4-4-2. Mas se o Goiás usar o 3-5-2, o Internacional adotará o mesmo esquema, transformando o ala-esquerdo Vinícius em zagueiro e o meia Alex em ala-esquerdo. O time gaúcho não poderá contar com o ala-direito Gavilán, o volante Wellington e o centroavante Nilmar, contundidos, e com o meia Danilo, suspenso. Eles serão substituídos por Bolívar, Fernando Miguel, Diego e Alex, respectivamente. O Internacional está em quinto lugar, com 11 pontos. Pode chegar à liderança se vencer o Goiás e se o Criciúma não ganhar do Vitória e o Figueirense não ganhar do Botafogo no sábado e, ainda, se o Cruzeiro derrotar o São Paulo no domingo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.