Ricardo Duarte/SC Internacional
Ricardo Duarte/SC Internacional

Internacional vai reforçado a Criciúma para abrir vantagem na ponta da Série B

Time gaúcho não perderá a liderança em caso de derrota, mas quer se distanciar do rival catarinense

Estadão Conteúdo

21 Outubro 2017 | 07h34

Apesar de já ter a liderança assegurada mesmo em caso de derrota, o Internacional vai até Santa Catarina para enfrentar o Criciúma com o objetivo de aumentar a diferença para os rivais diretos na busca pelo acesso. O jogo está marcado para este sábado, às 16h30, no estádio Heriberto Hulse, pela 31.ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

+ Guto deverá ter quatro retornos ao time titular do Inter

O time comandado pelo técnico Guto Ferreira tem 58 pontos, oito a mais do que o Vila Nova, o quinto colocado. Na última rodada, o time gaúcho foi até Varginha (MG) e empatou sem gols com o Boa. Do outro lado, o Criciúma, que busca uma reação nesta reta final, soma 42. Além disso, quer se reabilitar diante de sua torcida, após a derrota para o Vila Nova.

O Internacional encerrou a preparação nesta sexta-feira. Guto Ferreira poderá contar com quatro retornos importantes. O atacante Eduardo Sasha e o volante Edenilson cumpriram suspensão automática, enquanto que o volante Rodrigo Dourado e atacante Leandro Damião foram liberados pelo departamento médico.

Por outro lado, o treinador perdeu o lateral-direito Cláudio Winck, suspenso, e o atacante reserva Nico López, que sofreu um trauma no pé esquerdo horas antes da viagem. Alemão deve assumir o lado direito da defesa. "O jogo contra o Criciúma é importante por vários motivos. Além de segurar um adversário que ainda busca o acesso, podemos diminuir a margem de jogos para impedir que outras equipes nos ultrapassem", filosofou o treinador.

Vindo de duas derrotas consecutivas, sendo a última em casa para o Vila Nova, o Criciúma terá mudança em praticamente meio time. Cinco jogadores que estavam suspensos na última partida voltam e devem ser titulares sob o comando do técnico Beto Campos.

O goleiro Luiz, o lateral-esquerdo Diego Giaretta, o volante Barreto, além dos atacantes Silvinho e Lucão vão reforçar o time em um jogo fundamental na temporada, já que uma vitória pode deixar o time catarinense ainda com chances de buscar o acesso à elite do futebol brasileiro. "Vamos entrar reforçados, mas sabemos que o adversário é muito forte" ponderou Beto Campos.

Quem também apareceu como novidade entre os relacionados foi Raphael Silva. O defensor se recuperou de uma sequência de lesões musculares que o tiraram de vários jogos da Série B e surge como opção para o decorrer do jogo. Se o mau tempo não atrapalhar - existe previsão de chuva e vento -, a expectativa é de boa presença de público.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.