Internacional vence Sport por 2 a 0 e sobe para sexto no Brasileirão

Com superioridade técnica, time gaúcho ganha e afunda rival para a zona de rebaixamento

Angela Lacerda, estadão.com.br com AE

24 de junho de 2012 | 20h45

RECIFE - Com superioridade técnica e domínio de bola, o Internacional não teve muito trabalho para vencer o Sport, por 2 a 0, fora de casa, neste domingo, pela sexta rodada o Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time gaúcho subiu para a sexta posição, com 11 pontos. Após a sua terceira derrota seguida, o Sport, que mantém cinco pontos, caiu para a 17.ª posição e entrou na zona de rebaixamento.

O Sport se desequilibrou logo no início do primeiro tempo, depois que o zagueiro Bruno Aguiar fez gol contra aos 13 minutos do primeiro tempo, ao tentar cortar cruzamento de Oscar, pela direita.

Aos 38, depois de uma jogada que envolveu três jogadores em toque de bola sintonizado - Dagoberto para Oscar para Guiñazu - Leandro Damião recebeu do argentino de frente para o gol de Magrão e finalizou para ampliar o placar.

Pelo time rubro-negro, Reinaldo perdeu duas chances seguidas de marcar, mas nas duas vezes chutou muito alto. Na primeira, recebeu bola do estreante Henrique, aos 27 minutos. Na segunda, aos 38, ao receber de Rithely.

Magrão evitou um placar ainda mais desfavorável. Aos 25 do primeiro tempo, o goleiro salvou o seu time ao defender chute forte de Kleber. A bola voltou para Oscar que perdeu chance de marcar. Aos 8 minutos do segundo tempo, o goleiro pegou bola chutada forte no seu canto direito, de autoria de Leandro Damião.

O técnico do Sport, Mancini tentou tornar o time mais ofensivo no segundo tempo, ao substituir Willians por Jael e deixando o time com três atacantes. Não funcionou. Aos 31, O Inter novamente ameaçou, com Guiñazu invadindo a área e chutando forte. A bola foi para fora. Numa demonstração de descontentamento, boa parte da torcida do Sport começou a deixar o estádio faltando meia hora para o término do jogo.

SPORT 0 X 2 INTERNACIONAL

SPORT - Magrão; Marquinhos Paraná (Ruan), Bruno Aguiar, Edcarlos e Rivaldo; Toby, Rithely, Reinaldo e Willians (Jael); Felipe Azevedo e Henrique (Thiaguinho). Técnico - Vagner Mancini.

INTERNACIONAL - Muriel; Nei, Bolívar, Índio e Kleber; Elton, Guiñazu, Oscar e D''Alessandro (Marcos Aurélio); Dagoberto (Gilberto) e Leandro Damião (Jajá). Técnico - Dorival Júnior.

GOLS - Bruno Aguiar (contra), aos 13, e Leandro Damião, aos 38 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Marcelo de Lima Henrique (Fifa-RJ).

CARTÕES AMARELOS - Dagoberto, Reinaldo e Rivaldo.

RENDA - R$ 140.635,00.

PÚBLICO - 15.249 pessoas.

LOCAL - Ilha do Retiro, em Recife.

Notícias relacionadas
Tudo o que sabemos sobre:
futebolBrasileirãoSportInter

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.