Alessandro Garofalo / AP
Alessandro Garofalo / AP

Internazionale empata na casa do Napoli e segue tranquila no topo do Italiano

Faltando sete rodadas para o fim do Campeonato Italiano, time lidera o torneio com nove pontos de vantagem

Redação, Estadão Conteúdo

18 de abril de 2021 | 19h01

Restam apenas sete rodadas para o fim do Campeonato Italiano e a Internazionale segue em situação bastante tranquila no topo da tabela de classificação, com 9 pontos a mais que o rival Milan. Neste domingo, apesar de melhor que o Napoli, fora de casa, acabou apenas empatando, por 1 a 1, após 11 vitórias seguidas. O empate, porém, foi considerado bom, já que ocorreu contra um dos poucos rivais fortes a se enfrentar nesta reta final de campeonato.

Dos próximos oponentes, os duelos mais complicados serão com Roma, em sétimo, e a Juventus, quarta colocada atualmente e muito perto de perder a hegemonia no país após nove títulos seguidos.

A Inter pega Spezia, Verona, Crotone e Sampdoria na sequência, com boa chance de manter e até ampliar a ótima vantagem na ponta. O técnico Antonio Conte pede para seus jogadores manterem o foco e evitarem euforia, apesar da distância segura para o Milan.

Após 11 vitórias seguidas, a Inter voltou a desperdiçar pontos. No estádio Diego Armando Maradona, em Nápoles, viu um mandante empolgado nos minutos iniciais e em vantagem com gol contra de Handanovic. Após o susto, a Internazionale mostrou que não é líder à toa. O time recuperou o domínio na partida, foi ao ataque e acabou buscando merecidamente a igualdade com Eriksen. Tentou a virada, porém, não conseguiu.

A Inter dá adeus à sequência de vitórias, mas segue soberana, com 75 pontos. O Milan tem 66, contra 64 da Atalanta e 62 da Juventus, que fecha a zona de classificação à Liga dos Campeões. O Napoli, em quinto, hoje estaria na Liga Europa.

No outro jogo deste domingo, o Torino não tomou conhecimento da Roma, ganhando por 3 a 1 e abrindo cinco pontos de zona de rebaixamento. Os derrotados seguem no sétimo lugar, agora a seis pontos da vaga à Liga Europa.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.