Christoph Stache|AFP
Christoph Stache|AFP

Investigado pela Fifa, Beckenbauer deixa televisão alemã

Ex-jogador alemão faz despedida do canal em jogo do Bayern

Estadão Conteúdo

16 de março de 2016 | 17h11

Envolvido em suspeitas de corrupção, Franz Beckenbauer decidiu encerrar seu contrato com a TV Sky da Alemanha. Campeão mundial como jogador e treinador da seleção alemã, o ídolo era comentarista do canal. Sua última participação na TV será o jogo entre Bayern de Munique e Juventus, nesta quarta-feira, pelas oitavas de final da Liga dos Campeões.

De acordo com o canal, que lamentou a saída do ídolo, ele afirmou que precisava de um descanso porque é uma figura pública há mais de 50 anos. Recentemente, Beckenbauer passou a enfrentar acusações de envolvimento em atos de corrupção por parte da candidatura alemã que ganhou o direito de sediar a Copa do Mundo de 2006.

Há suspeitas de que a candidatura, que teve o ídolo como um dos seus principais líderes, pagou propina para ganhar a disputa. Na época, Beckenbauer era também membro do Comitê Executivo da Fifa. Investigado, ele já foi multado em 7 mil francos suíços e recebeu uma advertência do Comitê de Ética da Fifa, que ainda se aprofunda na apuração das denúncias.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.